Balanço Geral 2016

hqdefaultNunca imaginei que o final do ano iria chegar tão rápido. Esse é um post raro por aqui, até hoje só fizemos 2 deles, mas espero fazer muitos! Vamos fazer uma retrospectiva do que rolou de mais importante nesse ultimo ano um Balanço Geral 2016. Acho que se pudesse resumir o ano de 2016 em uma palavra, usaria: Mudança. Quando me refiro a mudanças é em todos os aspectos da minha vida, primeiro tivemos a mudança de país, relembre aqui. Depois tive uma mudança na minha empresa onde rolou a fusão com um concorrente, relembre aqui.

Confesso que não programei em hipótese alguma todas essas mudanças no mesmo ano. Simplesmente as coisas aconteceram e tive que aproveitar as oportunidades.

Talvez você seja uma pessoa, assim como eu, que gosta de uma boa rotina. Sou um cara que não gosta de drama, gosto de deixar as coisas num determinado padrão. Algo bem nerd, bem boring mesmo!

Só o fato de você largar todos aqueles que você ama e tentar a vida em um novo país já é algo para lhe deixar de cabeça em pé. Imagina além disso, pegar tudo o que você construiu e o que será seu sustento nessa nova empreitada e dar uma tacada de tudo ou nada.

Virar o mundo de cabeça pro ar acho que é pouco para a situação que estou vivendo.

Diante de todas essas reviravoltas na minha vida, alguns me perguntaram se estou satisfeito ou se me arrependo de algo feito. Minha resposta foi que não me arrependo de nada e acrescento que teria coragem de fazer tudo novamente.

E você, como foi seu 2016? Você também deu uma mudada na sua vida? O que você tem feito para chegar nos seus objetivos ? As vezes precisamos de simplesmente colocar aquele plano em pratica, parar de ficar pensando, calculando e esperando o “momento certo”. Que por sinal é uma das maiores bobeiras essa história de aguardar o momento certo, não existe isso! O momento certo é agora, vá e mude!!!

Nota: Nao deixe de assistir o vídeo de Bônus Pack no final do post!

O blog

No blog esse ano também tivemos muitas novidades, começamos com a parceria com a DriveWealth, depois veio a RemessaOnline e agora coroamos o ano com o pessoal da ADV Cash. Superamos a marca de 1,5 milhões de acessos e batemos mais de mil inscritos no nosso canal do youtube.

Se as coisas foram bem para o canal do Youtube, não podemos afirmar o mesmo para o nosso PodCast que acabou sendo descontinuado, pelo menos até conseguir um canto melhor aqui em Frankfurt am Main, ainda sim tivemos até o momento 150 mil plays no nosso PodCast.

Por falar em canal do Youtube, fizemos algumas series novas como a Meu próprio negócio onde estou falando sobre empreendedorismo. Tivemos a serie sobre Imigração onde estou falando sobre alguns aspectos para quem deseja imigrar para Alemanha. Por fim, a série Turistando com Dividendos onde mostro algumas aventuras do Viver de Dividendos e família. Ainda esse ano fizemos uma série mais curta sobre controle financeiro.

Ganhamos 3 séries novas e com conteúdos bem diferentes do foco do blog, acredito que algumas pessoas acompanham o blog apenas para seguir algumas séries especificas, com isso acabou mixando o publico.

Apesar de 3 novas estreantes tivemos uma boa reduzida na série Balanço Comentado que acabou ficando um pouco neglicenciada por conta da falta de tempo mesmo.

Apesar de toda essa diversidade de conteúdo, vamos focar neste post no nosso assunto principal do blog que é sobre finanças. Vou trazer algumas estatísticas importantes para esse ultimo ano de 2016.

Taxa de poupança e gastos anuais

Se tem uma das coisas que mais me preocupo aqui no blog é com a nossa taxa de poupança, isso sem duvida é o principal fator que vai lhe trazer a independência financeira.

Estou feliz pois tive um aumento no meu valor total aportado, porém chateado pois tivemos uma redução expressiva na minha taxa de poupança. Apesar de ter aumentado bastante minha renda as despesas também subiram. Efeito inflação no Brasil ? Gastos com a imigração ?

Acredito que um pouco dos dois, porém mais pelo segundo. Ano passado coloquei na bolsa 101 mil reais esse ano conseguimos fazer R$ 107.119,98 ou seja um média de R$ 8.926,67 por mês de poupança.

Minha meta era de 30% a 35% de taxa de poupança nesse ano de 2016. Esse ano consegui fazer 36,34% de taxa de poupança, superei a meta por poucos pontos percentuais, porém fiquei distante dos 44,17% do ano passado.

Essa queda na taxa de poupança já era meio que esperada, pois os gastos com imigração deveriam vir forte em 2016 e também devem continuar forte esse ano, alias os gastos com imigração irão impactar negativamente em todos os três pilares dos meus investimentos. Estou contente por ter batido a meta mesmo que por pouco.

Olhando as despesas esse ano você pode verificar como a categoria de Compras Diversas saiu de 4k no ano passado para 46k aqui nessa categoria estão os gastos com imigração. O resto das categorias tivemos um crescimento, mas foi por conta de inflação, nada que fugisse do controle como foi as Compras Diversas. Destaque para minha redução nos gastos com transporte que conseguimos abater aí quase 20k nos gastos anuais com transporte.

Dividendos

Minha meta em 2016 era de receber R$ 9.600,00 de dividendos ao longo do ano, ou seja, uma média de R$ 800,00 por mês. Consegui esse ano romper a barreira dos 10 mil reais de dividendos recebidos, batendo a marca de R$ 10.355,85 que me deu uma média de 861,32 por mês em dividendos.

Muitos podem pensar que os dividendos não cresceram tanto já que no ano passado havia uma média de 762 ao mês, porém é preciso lembrar que liquidei toda a minha carteira de ações nos Brasil e esse dinheiro não foi reinvestido na bolsa, mas sim retirado para cobrir gastos com a imigração.

Então se considerar o rendimento que do ano passado com as ações Brasileira teríamos que somar aí ao menos 150,00 ao mês de dividendos.

Basicamente meus aportes serviram pra repor essa ações e mesmo assim os dividendos cresceram 13% ao ano. Pode isso Arnaldo ?

É a estratégia de investimento que utilizei, quando se investe em empresas de crescimento de dividendos é isso que acontece, seus retornos tendem a subir mesmo que você não faça absolutamente nada. Existe algo melhor do que isso ?

Note que meu foco de crescimento nas empresas não é Dividend Yield como a grande maioria dos investidores, meu foco é em empresas que cresçam o LPA. Esse resultado que tive foi consequência dessas escolhas.

Patrimonio

Acho que o gráfico abaixo vai ilustrar bem isso que disse no parágrafo anterior.

Note que mesmo com um valor investido na bolsa bem menor do que o ano anterior consegui manter um crescimento robusto dos meus dividendos. Isso responde a dúvida daqueles que no inicio questionaram minha estratégia.

Além de não conseguir nem chegar perto da meta fiquei abaixo do patrimônio do ano anterior. Esse ano pode entrar para a história dos meus investimentos, pois foi a primeira vez na minha caminhada que o meu patrimônio caiu comparado ao ano anterior.

Ainda não consegui repor o sangramento da venda das ações brasileiras, relembre aqui porque disso, mas certamente esse ano cresceremos novamente.

Nesse gráfico abaixo representa o meu patrimônio total, considerando, poupança, investimentos em bolsa, carros, imóveis e empresas.

Vocês podem ver que mudei um pouco a estrutura de calculo desse indicador, agora ao invés de colocar o quanto a empresa vale no contrato social, pois geralmente é algo bem discrepante da realidade. Resolvi aplicar minha formula de valuation e lançar o quanto minha empresa está valendo caso fosse vendida hoje para um investidor.

Ou seja a nível de números se você me telefonasse e dissesse Viver de Dividendos quero comprar sua empresa, me diga o valor que vou lhe transferir ainda hoje. Eu teria essa resposta na ponta da língua, me mande 5 milhões 795 mil reais e agente começa a conversar. Começar a conversar porque esse seria o valor justo, quero saber o quanto está disposto a pagar para tomar a empresa.

Pra não ficar discrepante, fiz o cálculo pro forma do valuation passado da empresa. A partir desse ano vou acompanhar o quanto está valendo a minha empresa ano a ano. Na hora de fazer o valuation considero ultima negociação, lucros gerados, carteira de clientes, estabilidade de lucros e poder de lucro, jogo tudo numa formula que peguei de uns americanos por aí e vejo o resultado:

Rentabilidade

Antes de falar desse assunto sempre acabo por fazer uma pequena introdução pra explicar que apesar de falar sobre rentabilidade eu não baseio minhas decisões olhando para rentabilidade. Sei que para alguns pode parecer repetitivo, mas ocorre que todo ano chega muita gente nova no blog e muitos vem com essa mentalidade de valorizar rentabilidade e Dividend Yield. Então antes de tomar qualquer conclusão sobre o que vou falar dê uma lida aqui.

Quando falo que rentabilidade é inútil não quer dizer que descarto completamente, tem investidor que ou é 30 ou é 60. Tem gente que leva a rentabilidade como o primeiro e decisivo fator para investimento e tem gente que negligencia completamente a rentabilidade.

Acho que ambos os casos não são legais, a rentabilidade tem sua utilidade e deve ser usada com sabedoria, porque senão pode lhe trazer mais prejuízos do que benefícios. Por isso muitas vezes bato na tecla pra você esquecer essa história de ficar acompanhando isso mensalmente.

Vamos mostrar as 3 top e as 3 piores retornos total da minha carteira.

Os 3 melhores ativos

  • Square Faria Lima – FLMA11: + 126,42%
  • Chubb Corporation – CB: + 104,68%
  • FII Parque Dom Pedro – PQDQ11: + 91,81%

Os 3 piores ativos

  • EPR Properties – EPR: – 11,20%
  • Wal-Mart Stores Inc – WMT: – 16,37%
  • Edificio Galeria – EDGA11: – 20,35%

Pela primeira vez na minha carteira esse ano tivemos não um, mas dois ativos que já me retornaram o valor investido. Estou muito feliz com essa marca, imagina daqui alguns anos todos os ativos nesse porte, seria só alegria kkk… olhe que estou só a 5 anos investindo no mercado.

Na ponta positiva o Faria Lima continua na poli e vai ser difícil de bate-lo. Vou te falar que nem sempre foi assim, nos primeiros anos com ele foi bem difícil segura-lo, a rentabilidade bateu lá embaixo, quando eu falo que gente fica operando por rentabilidade só quebra cara e ninguém acredita.

Mantive ele firme na carteira porque acreditava no seu modelo de negocio. Agora estou colhendo os frutos. Temos aí o surgimento do Parque Dom Pedro que estava com umas tretas na justiça e com a finalização teve seu preço subindo às alturas, não acredito que vai se manter aí nesse poli por muito tempo.

Na ponta negativa temos o EDGA que está sofrendo com uma vacância maior, lembra no parágrafo acima dos desafios enfrentado no Faria Lima, então acredito que o mesmo deve estar ocorrendo com o Galeria hoje. O Wal-Mart vem sofrendo com a falta de crescimento e eminência de aumento de custos e o EPR assim como todos os REITs estão apanhando por conta da taxa de juros, nada que afete seu balanço a curto prazo, mas é algo que vou avaliar o impacto dos juros no financiamento dos REITs.

Muita gente investindo em REITs e dando aula por aí e sem ter a mínima noção de como analisar suas dividas, que é completamente diferente da analise da divida de uma empresa.

Metas 2017

Esse ano de 2017 os gastos com imigração ainda devem impactar com força minha capacidade de aportes. Isso por conta de possíveis gastos como compra de moveis, taxas de imigração, enfim tem muita agua pra correr aí.

Por outro lado espero um crescimento das receitas na empresa, estamos crescendo forte, esse último mês do ano vendemos mais do que toda a história da empresa, e tivemos uma receita recorde. Acredito que esse movimento deve se manter nos próximos meses, estamos colhendo alguns frutos de investimentos que fizemos no final de 2016.

Com mudanças fortes tanto na esfera pessoal quanto na profissional, espero um ano de muitos desafios como sempre. Sobre as metas acredito que a taxa de poupança dá pra dar uma melhorada comparada ao ano anterior. Os dividendos tentarei ser um pouco mais agressivo e superar a barreira dos 1k por mês de retorno. O patrimônio em investimentos em bolsa acredito que devemos retomar a faixa de crescimento.

  • Taxa de poupança: 35% a 38%
  • Dividendos R$ 12.000,00 (média de R$ 1.000,00/mês)
  • Patrimonio: 380.000,00

Conclusão

(Carlos Drummond)

“Quem teve a ideia de cortar o tempo em fatias,
a que se deu o nome de ano,
foi um indivíduo genial.
Industrializou a esperança
fazendo-a funcionar no limite da exaustão.

Doze meses dão para qualquer ser humano
se cansar e entregar os pontos.
Aí entra o milagre da renovação e tudo começa outra vez
com outro número e outra vontade de acreditar
que daqui pra adiante vai ser diferente…

… para você,
desejo o sonho realizado.
O amor esperado.
A esperança renovada.

Para você,
desejo todas as cores desta vida.
Todas as alegrias que puder sorrir.
Todas as músicas que puder emocionar.

Para você neste novo ano,
desejo que os amigos sejam mais cúmplices,
que sua família esteja mais unida,
que sua vida seja mais bem vivida.

Gostaria de lhe
desejar tantas coisas
mas nada seria suficiente…
Então, desejo apenas que você tenha muitos desejos.
Desejos grandes e que eles possam te mover a cada
minuto, rumo a sua felicidade!!!”

Bonus pack +