Consequências do Brexit

Nesse vídeo extra estarei falando sobre as consequências na saída da Inglaterra da Zona do Euro. Entenda os motivos que fizeram os ingleses solicitar o Brexit, se isso trará aspectos positivos ou negativos para a Inglaterra e saiba como isso pode afetar a sua economia no longo prazo.

No outro lado mostramos um panorama do que pode vira a acontecer com o blog após a saída dos ingleses, quais caminhos o bloco irá tomar, quem irá substituir os ingleses e os impactos que isso pode trazer para economias Americanas.

É fundamental o investidor entender o que ocorre com o resto do mundo, isso afeta direta ou indiretamente a todos, seja você investidor em ações ou não.

Não sabe se deve comprar ou vender ações após a notícia? Recomendo a assistir o vídeo pra saber qual seria o melhor comportamento a se adotar:

 

 

21 thoughts on “Consequências do Brexit

  • 23 August 2016 at 23:03
    Permalink

    Tenho 13 anos, nao entendo nada de economia e preciso apresentar um trabalho com pontos negativos do brexit. Alguma ideia? Hahahah continuando, ainda estou perdido no tema, mas seu video ajudou, valeu!

    Reply
    • 23 August 2016 at 23:44
      Permalink

      Eu falei vários pontos negativos para a Inglaterra ao sair da zona do euro. Claro que tudo vai depender deles o quão compromissados estarão em colocar o país nos trilhos certos

      Reply
    • 23 August 2016 at 23:46
      Permalink

      A propósito Jael aproveita e estuda mais sobre economia. A propósito ele não mandou listar os pontos positivos ?

      Isso está me cheirando a professor comunistinha

      Reply
  • 1 July 2016 at 18:21
    Permalink

    O Brexit tem uma característica mais sobre a soberania do país e a contençāo da imigraçāo desenfreada do que a característica economica.
    A Inglaterra estava deixando aos poucos de ser Inglaterra, estava perdendo sua cultura e sua autonomia.
    Este foi o grande motivo do Brexit
    Sobre o ponto de vista economico, a Inglaterra simplesmente confia em sua capacidade de produção e de inovação para enfrentar o mercado mundial, difícil competir com a China mas tem plenas condições de competir com Brasil, Mexico, Russia, etc, no mercado mundial.

    Portanto a reconquista da soberania foi o grande fator e a economia se recuperará pela grande capacidade do país (assim dizem os ingleses).

    Reply
    • 1 July 2016 at 19:36
      Permalink

      Olá Ricardo

      Também estou torcendo pra que eles consigam se sair melhor, porém nessa sua avaliação está completamente equivocada, UK não vende banana e jumento (Brasil) nem gas e petróleo (Russia) e muito menos carro pros USA (México) então países com pouca produtividade não serão seus concorrentes no mercado. Eles exportam produtos manufaturados, industriais e de alta tecnologia, ou seja ele vai concorrer com peixe grande sim como USA, Coreia, China então não se iluda achando que ela terá algum vantagem nesse terreno. Dá uma estudada na balança de exportação dos ingleses que vai ver que eles exportam poucas matérias primas.

      Sobre a imigração entre outros fatores burocráticos, eu comentei isso no vídeo onde disse que eles dentro do bloco não conseguiram articular politicamente para fazer essas mudanças, nada garante que ele terão mais sucesso fora, estamos torcendo, mas agora a briga vai ser maior. Você está pensando como boa parte do pessoal olhando apenas a consquencia e não as causas.

      Reply
  • 25 June 2016 at 03:06
    Permalink

    VDD,

    Na verdade, ela não saiu da zona do euro, já que ela nunca fez parte (sempre manteve a libra como sua moeda). A saída foi da União Europeia. Eu sei que você falou isso depois, mas pode ficar confuso para que não conhece. Aliás, é importante destacar também que a saída levará alguns meses ou até anos. Outra coisa, o euro foi implementado em 1999. Ele é apenas um dos elementos da União Europeia, que foi criada antes da moeda, em 1992.

    O Reino Unido sempre foi um pouco reticente ao processo de integração europeu, capitaneado por Alemanha e França desde o pós-guerra. Eles aderiram à Comunidade Econômica Europeia (precursora da União Europeia, criado em 1957) somente em 1973.

    Meu filho de cinco anos tem medo da sua máscara e sugeriu que você usasse uma do chewbacca. :O)

    Só um último comentário. Bolsonaro é duro de aguentar.

    Reply
    • 25 June 2016 at 04:29
      Permalink

      Olá Roberto

      Bom complemento. Na verdade um dos pontos do movimento pro saída foi estampar a união europeia como o III reich que não deu certo na 2 guerra, achei bem apelativo por sinal, mas tem hora que dá pra suspeitar rsrsrs ainda mais depois dessa tentativa da Alemanha de aproximar da Rússia aí sim configuraria o 3reich.

      Sobre a máscara Chewbacca da mais medo que o jigsaw

      Reply
    • 25 June 2016 at 04:29
      Permalink

      Ah já estava esquecendo

      #bolsonaro2018

      Kkkkkkk

      Reply
      • 30 June 2016 at 01:17
        Permalink

        Viver… mexe com isso de falar de política não… foca em ações que é melhor…kkk abraço.

        Reply
        • 30 June 2016 at 09:38
          Permalink

          Olá Alexandre

          A política anda junto com os investimentos. Se você está investindo sem considerar os cenários políticos, sinto lhe avisar, mas você está dando um tiro no pé.

          Ainda acho que falo pouco por aqui. Deveria falar mais. Aliás você ainda não me viu falar de política, espera o Bolsonaro se candidatar a presidente, ai sim vc vai poder reclamar que estamos falando muito de política por aqui kkkk

          Reply
  • 25 June 2016 at 00:55
    Permalink

    Essas vitórias apertadas são complicadas. O brexit é o resultado de uma lambança política desnecessária do Cameron; apostou algo muito caro no intuito de se manter como primeiro-ministro.

    Reply
    • 25 June 2016 at 03:51
      Permalink

      Olá Leonardo

      Não sei se foi bem isso. Ele tinha recebido uma carta de 2/3 do parlamento apoiando-o inclusive de vários políticos que era a favor da saída. Além do fato que ele renunciou logo em seguida, nada mais natural neh

      Reply
    • 25 June 2016 at 03:53
      Permalink

      Ah tah estou entendendo vc se refere ao lance da campanha. Sim aí realmente foi um tiro no pé. Pelo menos ele cumpriu o que prometeu kkkk agora não adianta chorar o leite derramado

      Reply
      • 25 June 2016 at 07:09
        Permalink

        hehehe

        O Cameron achou que essa era fácil e deve ter pensado “agora é a hora”, dado o apoio aparente que tinha e próprio referendo anterior da Escócia que se manteve no Reino Unido, etc. e se deu mal.

        Olhando de fora foi uma coisa mal-feita, o referendo não tinha valor impositivo mas politicamente ele fez ter e não ter como voltar atrás. 50% mais 1 para situações como essa que muda-se muita coisa na legislação não parece ser a mais adequada.

        Mas democracia é isso, tem que respeitar a decisão do povo.
        Só depois vão saber se compensou ou não. Aparentemente não foi uma decisão sábia, arrumaram problema onde não havia. A ver os próximos capítulos.

        Se fosse aqui no Brasil o Cunha mandava votar novamente até dar o resultado que ele quisesse. hahaha

        Reply
  • 25 June 2016 at 00:22
    Permalink

    VD,

    Não estou nem um pouco preocupado com o Brexit, apesar de ser 100% a favor da saída do Reino Unido da União Europeia.

    Sigo a minha estratégia e continuo acompanhando tão somente os balanços das minhas empresas.

    Abraços!

    Reply
    • 25 June 2016 at 00:27
      Permalink

      Olá IL

      Depende do tipo de ativo que você tem na carteira. Se tem ativos internos no Brasil realmente não farão tanta diferença mas por exemplo se vc tem uma empresa mais global como a Weg que exporta bastante pra UE aí sim teria impactos nos resultados da empresa.

      Reply
    • 25 June 2016 at 00:25
      Permalink

      Valeu Ariel

      Reply
  • 24 June 2016 at 22:27
    Permalink

    Parabéns pela análise! Muito equilibrada e bem baseada em fatos.

    Reply
    • 24 June 2016 at 23:31
      Permalink

      Valeu Hélio
      Vamos ver se vai se concretizar os pontos

      Reply

Deixe o seu comentário: