Controle de gastos e receitas: Junho 2016

imagesRealizo um controle de gastos e receitas mensais desde que iniciei o blog pois quero mostrar aos investidores que é possível alcançar a independência financeira, trabalhando duro, mesmo sem fazer um monte de dinheiro. A ideia é mostrar toda a caminhada rumo a independência financeira os bons momentos e também as dificuldades enfrentadas durante todo o processo.

Mudei o padrão de título dos post de Receitas e despesas, além disso se prepara que este post vai ser um dos maiores. Esses posts de “receitas e despesas” são os mais pessoais, não só pelo fato de abrir as minhas finanças pessoais. Fui um dos primeiros blogs a abrir as contas pessoais ao público.

Lemos aqueles livros de pessoas que alcançaram a independência financeira, mas nunca vimos como chegaram lá, de onde eles saíram, os percalços e desafios que tiveram que enfrentar. Meu intuito nesse blog é mostrar como passei por essa caminhada, e servir de inspiração principalmente àqueles que estão iniciando a caminhada ou aqueles que como eu se encontram no meio do trajeto.

Se vou obter o sucesso ou fracasso só o tempo vai dizer. O que posso garantir é que durante esse processo estou estudando bastante sobre o assunto, me aperfeiçoando para que assim aumente minhas chances de sucesso. Vamos falar especificamente desse mês.

Mês de alegrias e tristeza, acho que mais alegrias como um todo. Gastei mais do que qualquer outro mês no ano, os não recorrentes choveram com pressão, porém tive boas noticias na ponta da receita.

A história do terreno

Se você está aqui a mais tempo, vai lembrar quando comprei o terreno pra construir a minha casa, foi em Agosto de 2014. Naquela época estava com a intenção de fincar estaca na minha cidade natal.

O local era fantástico, condomínio fechado, com um lago muito aconchegante, casas de alto padrão. Aquelas baboseiras típicas de classe média, enfim estávamos muito empolgados.

Sempre gostei de planejar as coisas na minha vida, acredito que se você está lendo um blog sobre investimento também compartilha dessa mesma visão. Gosto de programar o que vou fazer daqui a 5 ou 10 anos. Nada documentar em papel ou algo do tipo, só traço uma linha na minha mente e fico com aquilo martelando dia após dia.

Minha meta era construir uma boa casa, criar minha filha ali, depois alcançar a independência financeira, diminuir o ritmo de trabalho, até porque parar jamais, por fim me dedicar mais a família e fazer algumas viagens.

Acontece que quando comprei o terreno ainda não tínhamos filho. Depois que minha filha nasceu muita coisa mudou, muitos planos que havia pensado acabei tendo que refazer-los. Construir a casa e ficar naquele lugar já não estava mais nos nossos planos, então resolvi colocar o terreno à venda.

Quando comprei, financiei o imóvel na Caixa pra poder segurar o terreno, visto que a sua localização era muito boa e cobiçada. Desde então comecei a juntar grana pra poder quitar o financiamento, guardava em paralelo na poupança, não passava essa grana pelo controle de gastos, porém com a mudança dos planos e colocando o terreno a venda acabei direcionando essa grana pra outras coisas.

Apesar de ser bem localizado, achei que seria difícil de vender dado a situação atual do país, porém pra minha surpresa não foi tão demorado. Comprei o terreno por 220k, hoje os terrenos lá estão valendo 290k a 300k.

Essa valorização se deveu ao fato de perto do bairro estarem construindo um mega shopping center, isso elevou o valor dos terrenos de modo geral, ainda vai subir mais até o shopping ser concluído, além disso tem 4 hipermercados perto do bairro, com farmácias e hospitais, enfim é uma área que está crescendo bastante.

A proposta de compra

Recebi uma proposta um pouco abaixo do valor de mercado, mas como estou de mudança, já falei sobre isso em outros posts e acho que no começo do próximo mês tenho as coisas mais acertadas daí explico melhor. Dada a situação resolvi aceitar a proposta. Comprador ofereceu 275k sendo uma entrada e ele assumiria a hipoteca dos restantes, comprometendo-se em quitar em 36 meses o resto do financiamento.

Fizemos o famoso contrato de gaveta e no final passaria o terreno pro nome dele, coloquei no contrato que se ele não pagar as parcelas perderia a entrada e todas as benfeitorias feita no terreno, ou seja o risco é total dele. A corretora imobiliária que vendeu me conhecia, já tinha sido uma cliente da minha empresa, conhecia a minha índole e tranquilizou o comprador, então ela meio que deu uma moral na negociação.

Pra ele tinha a vantagem de que já poderia começar a construir e ainda tinha 36 meses pra pagar o terreno, apesar de ser uma vantagem tremenda também é um alto risco porque a Caixa não reconhece esses contratos de gaveta, e se ele pegar um vendedor mau intencionado o cara pode, depois dele quitar o terreno, dizer que não vai passar pro nome dele, claro que eu jamais faria isso, mas ele tem um baita risco nisso tudo.

Isso foi bom que motiva ele a quitar logo o terreno, enfim foi um contrato meio complicado, cheio de amarras, mas espero que não tenha problemas com isso no futuro.

A moral da história é que desses 275k a imobiliária morde 5% ou seja ficou no colo deles 13k e na da a minha amiga, a corretora, fica com 45% do valor, no fim brinquei com ela “nada mau a sua comissão”. Do meu lado praticamente sai no zero a zero, porque tinha dado na época uma pequena entrada mais somando os juros que já paguei pra Caixa capaz de ter empatado.

Pelo menos fico livre da hipoteca de 2.300 que pingava na conta todo mês. Pra onde vou me mudar não vou comprar casa, então não tinha propósito ficar pagando essa hipoteca atoa. Visto que mudei meus planos completamente, na pior das hipóteses mesmo que não ganhe nada fico livre da divida.

Já tinha a grana toda para quitar o financiamento, tanto que quando coloquei a venda fiquei em duvida se quitava e deixava pra vender depois quando ele se valoriza-se, pois isso era certo dado a situação do mercado em volta do terreno. Acho que depois da crise, o shopping pronto, o lago todo urbanizado, a coisa vai ficar muito bonita e deve-se valorizar em pelo menos uns 30% o valor das terras ali.

O problema era que quitando-se o financiamento iria ficar um pouco descapitalizado, e nessa nova etapa da minha vida, ter um pouco de capital pode me trazer bastante segurança, então como nos investimentos optei por ganhar menos e poder dormir tranquilo a noite.

Pra não bagunçar o coreto, resolvi colocar essa diferença que recebi direto na poupança, então eles não entram aqui nesses controle de gastos da família. Pra num ficar aquela receita altíssima sendo que é um baita não recorrente.

Sem mais delongas, vamos aos destaques do mês.

  • Casa: Paguei aqui a ultima hipoteca, alias essa ultima foi inclusa na entrada, essa já foi por conta do comprador, mas eu optei por deixar no controle como se fosse minha, uma vez que já tinha alocado ela no orçamento no inicio do mês. Além dela tive que pagar uns IPTUs atrasados, tirar algumas certidões em cartório, enfim coisas da venda do terreno.
  • Compras diversas: Aqui temos um crescimento pesado nos gastos, motivados 5,9k de gastos com a mudança, se você ainda não entendeu o que é a mudança, se tudo der certo devo fazer um vídeo sobre ela no próximo mês. Esse mês nem foi tanto a mudança, foi um gasto mais com backup, caso der errado.
  • Despesas gerais: Entre outras despesas aqui entra os gastos com minha filha, mês passado foi seu aniversario e tínhamos gastado algo em torno de 1500 com a festa e tudo, esse mês pensei que viria baixo, mas optamos por coloca-la na creche em meio período, ou seja foi aí 720 só de mensalidade com a creche. Além disso ela ficou doente, 7 dias de febre e ninguém conseguia achar o motivo, isso também acabou gastando um pouco além do normal, mas acredito que daqui pra frente por conta da creche os gastos com ela devem ficar nessa faixa. Será que estou pagando muito caro? se você tem filho me diz aí o quanto gasta de creche com eles pra gente ter uma ideia.
  • Utilidades: tivemos um aumento em todos os serviços, agua, luz, telefones só salvou o plano de saúde que mês passado tinha tido não recorrente e esse mês veio certinho. A calmaria que precede a tempestade. Recebi uma carta da Qualicorp dizendo que os planos serão reajustados em 20% depois o pessoal da Renda Fixa ainda acha bonito receber a inflação oficial, o governo declara oficialmente uma inflação de 10% porém tudo está sendo aumentado bem acima disso, pra mim a inflação real é essa aí do plano. Estou pagando, contando o reajuste: 803 sendo 2 adultos e um bebê.

 

controle gastos

Acima o gráfico gerado pelo YNAB as categorias de despesas são detalhadas na tabela a seguir sendo a ordem de baixo pra cima do gráfico.

Esse mês consegui investir mais de 4,5k em ações, isso equivale a 23% da minha renda mensal.

Veja abaixo um resumo do meu orçamento nesse mês e acompanhe os outros meses:

Receitas
Descrição Valor
Lucro empresa  18.574,40
Dividendos  706,17
Total  19.280,57
Despesas
Descrição Valor
Alimentação
 1.510,63
Automóvel
642,58
Casa
3.127,71
Compras diversas
6.026,58
Despesas gerais
2.264,77
Utilidades
1.158,46
Total
14.730,73

Entenda como é o meu plano de contas.

Utilizo o método do YNAB para controlar minhas finanças pessoais, veja neste post aqui onde explico mais sobre o método.

Enquanto isso…

A pancadaria rolando solta na UE, os ingleses largando o verbo pra tudo quanto é lado, dessa vez o alvo foi o presidente da UE pra mim ele pegou um pouco pesado: Talvez porque você é da Bélgica que praticamente nem é um país!

Nigel acido como sempre, Cameron que o diga kkkk

 

22 thoughts on “Controle de gastos e receitas: Junho 2016

  • 9 July 2016 at 21:46
    Permalink

    Olá, parabéns pelo blog! Comecei a acompanhá-lo agora. Temos uma situação financeira parecida, mas sua renda mensal é um pouco superior à minha. No entanto, consigo juntar cerca de 5k ou 6k por mes. Sou casado e tenho 1 filha, por isso achei sua despesa muito alta, e olha que vivo em uma metrópole. Acho q vivo bem com 8k e olha q pago uma prestação de 2,4k, muito parecida com a q vc tinha. Abraço

    Reply
    • 10 July 2016 at 04:15
      Permalink

      Olá VMM

      Valeu pelo feedback. Esse mês de junho não dá pra tomar como base porque foi muito cheio de não recorrentes, mas de modo geral se colocar as despesas fixas minha estavam na faixa de 9k. Eu achei elevado porque vc esta numa metrópole então na teoria eu teria um custo menor que o seu. O problema que já tentei de tudo pra reduzir essas despesas as coisas já estão bem enxutas, sem despesas surperfulas.

      Reply
  • 7 July 2016 at 13:30
    Permalink

    Viver de Dividendo,
    Cara vc é exemplo de investidor que pretendo ser suas análises e dicas me fazem aprender muito.
    Ainda me programando financeiramente pra me arriscar nos mercados internacionais.
    Me falta conhecimento e expertise, estou lendo Siegel como sugeriu, além do Bastter e aprendendo muito. Ao pouco tô aprendendo a ter um controle nas minhas finanças. É investindo um pouco no TD, fiis e ações vias. Até o momento estou vendo resultados bons, principalmente nos fiis, já nas ações só o papel da minha carreira valorizaram não vi “dividendo e nem juros sobre o capital” abraço e continue assim com informações de qualidade.

    Reply
    • 8 July 2016 at 08:43
      Permalink

      Olá My Money

      Valeu pela força. O retorno dos FIIs e REITs podem ser sentidos mais de imediato, as ações por ter uma raia mais anual de pagamento dos dividendos você acaba achando que demora, além do fato que a valorização das ações é coisa pra longo prazo, no mais, bons estudos.

      Reply
  • 7 July 2016 at 13:28
    Permalink

    Ola VdD,
    Preço da creche está bom.
    Pago 1250 no interior de Sp. Periodo de 6:30.
    Abs

    Reply
    • 7 July 2016 at 17:56
      Permalink

      Igui

      Valeu pela informação.
      Nossa sendo cidades do interior a sua esta bem cara.

      Reply
      • 7 July 2016 at 19:04
        Permalink

        Ela é um pouco mais cara que outras que eu vi. Mas o preço das demais, na média, para periodo integral, sempre acima de 1100. Acho q para meio periodo deve ser isso que vc paga mesmo.

        Reply
        • 8 July 2016 at 08:49
          Permalink

          por aqui também tinha umas caras, nessa faixa que vc falou pra período inteiro, porém o ensino delas era bem superior a que eu coloquei

          mas como a minha filha tem só 1 ano não vai aprender nada ainda não faria tanta diferença, aí acabei analisando outros pontos tipo numero de professoras olhando as crianças nessa que coloquei minha filha está numa sala com 6 crianças e tem 2 professoras na sala ou seja 3 crianças pra cada olhar

          Reply
  • 7 July 2016 at 10:57
    Permalink

    Gosto muito do seu blog porque também estou na caminhada. Uma curiosidade, na realidade 2 rs: Em qual cidade é esse terreno que você possuía? E quantos anos você tem? Só para saber se o meu patrimônio é compatível para a minha idade.

    Reply
    • 7 July 2016 at 17:53
      Permalink

      Olá Aldo

      Sobre a cidade não tem como passar por conta do anonimato. A idade é 31 anos

      Reply
      • 7 July 2016 at 21:48
        Permalink

        Valeu, obrigado! Acho que estou no caminho certo. Hoje minha média anual da receita proveniente de dividendos esta em 2,5% a.a, acho um valor baixo comparado a poupança, mas está difícil encontrar empresas no Bovespa que pagam acima de 5%.

        Reply
        • 8 July 2016 at 09:00
          Permalink

          Não faça esse tipo de comparação, primeiro que vc está olhando por uma ótica totalmente errada, segundo isso é o que mais tira pessoas da bolsa de valores

          quem fica fazendo esse tipo de comparação pra vc é gente que pensa só no imediatismo, quando se avalia uma raia de investimentos em ações vc tem que considerar no mínimo 10 anos, e ações vc não olha só dividendos vc precisa de olhar a valorização da ação, da uma olhada aqui num gráfico de 10 anos como a coisa fica bonita

          olha que peguei a weg que nem é a mais rentável da bolsa, imagina a ambev, bbdc, etcsss e a bolsa está passando por um momento bear então se não é isso a situação do investidor estaria muito melhor

          para de fazer esse tipo de comparação, sugiro de dar uma olhada nesse artigo, nesse artigo e nesse artigo.

          Reply
  • 6 July 2016 at 23:32
    Permalink

    VD, gosto muito do seu blog e sempre acompanho. Parabéns pelo trabalho! É o melhor blog e mais sério das financas. Sem as baboseiras dos outros.

    Este assunto do terreno eu não entendi. Qual a dificuldade de fazer a transação correta, e transferir o terreno agora? Esse contrato de gaveta é arriscado demais! Se um dos dois morrer, por exemplo, ou um dos cônjuges, a confusão está feita! Se o comprador morre, vc para de receber, não vai poder vender para outro, e vai ter que esperar inventário, torcendo para os herdeiros não infetarem um jeito de te processar. Há ainda um risco de crédito, o comprador pode quebrar, parar de pagar e também te processar pra ter o dinheiro de volta, e enquanto isso seu terreno fica indisponível, enfim, o risco é enorme. Da pra listar n possibilidades de dar errado…

    Reply
    • 7 July 2016 at 03:58
      Permalink

      Olá Vjlacerda

      Valeu pela força. No caso pelo seu comentário acho que vc não entendeu, não fui eu que comprei com contrato de gaveta, sou o vendedor nesse caso.

      Realmente o contrato de gaveta é muito arriscado, no inicio achei que ele nem iria topar, mas acho que a corretora deu uma moral por isso ele concordou. Mas o risco é todo dele, pro meu lado tem risco mínimo, se ele não pagar as parcelas restantes da Caixa ele perde toda entrada e benfeitorias que fez no terreno pois o terreno ainda não é dele até ele quitar o financiamento todo. O terreno está no meu nome e só passarei pra ele depois que ele quitar, no caso ele parece que já tem o dinheiro pra quitar o terreno ele tem umas casas já vendidas pelo Minha Casa minha vida só que a Caixa demora a pagar, de acordo com ele até o final do ano ele quita o financiamento. Por isso ele vai ter total interesse dele quitar e resolver logo esse financiamento pra assim passar o terreno pro nome dele.

      Também amarrei que fica por conta dele os gastos com IPTU, demais impostos, e qualquer taxa de transferencia do imóvel daqui pra frente.

      Vamos torcer pra nao dar problema!

      Reply
  • 6 July 2016 at 22:00
    Permalink

    Olá Vdd!

    Receitas altíssimas! Muito bom.

    Fizemos algo parecido, uns 3 meses atrás me livrei de um lote também. Meu intuito era construir p/ o Minha Casa Minha Vida, mas desisti, devido a crise, manterei apenas construções em bairros de classe média alta mesmo.

    Foi ótimo me livrar da dívida do financiamento também, troquei uma prestação de R$ 700,00 e tanto por uma renda de uns R$ 400,00 e tanto aplicando em FIIs!

    Não poderei opinar na questão da creche, ainda não tenho herdeiros hehe!

    Abraço

    Reply
    • 7 July 2016 at 02:58
      Permalink

      Olá VdC

      Rapaz, o cara que me comprou o terreno está com 3 casas vendidas pelo MCMV ele disse que a Caixa demora um tempo pra pagar, de acordo com ele até o final do ano ele quita o financiamento, mas ele é bem seu estilo, compra terrenos pra construir e depois colocar as casas a venda.

      Só que esse terreno que ele comprou de mim é pra morar, diz a corretora que a esposa do cara gostou muito, daí deduzi que seria pra eles construírem casa própria e não para investimento.

      Sobre herdeiro, lembro que assim que casei eu dizia que não teria filhos, que isso era coisa do passado, que hoje as pessoas tem animais de estimação, criar um cachorro era melhor que criar filhos… hoje sei o quanto é legal ter um filho, e quanta besteira eu falava antes kkk

      uma experiência que todos precisam de passar, enriquece muito você como pessoa e traz um amadurecimento muito grande para a família como um todo

      Reply
  • 6 July 2016 at 21:22
    Permalink

    VD,

    É meu caro … acontece.. replanejar .. também tive que fazer o mesmo recentemente …

    Essas reunões da UE são comédia pura hahahaha … é muito engraçado pra gente que está de fora …

    Reply
    • 7 July 2016 at 02:47
      Permalink

      Olá Rodolfo

      O lance é manter a mente aberta as oportunidades, sempre fui bem dinâmico e procurei me adaptar as situações, algumas vezes dão certo outras não, mas acho que o importante acima de tudo e saber que você tentou.

      Pelo menos lá num ficam “Vossa Excelência é um Filho da P…”, “V.Ex é ladrão” kkk já rasga o verbo sem V.Ex

      Reply
  • 6 July 2016 at 20:51
    Permalink

    Rapaz, essa diferença toda na diferença do terreno pra vc sair no zero a zero. O financiamento mata o ser humano mesmo, e o giro do patrimônio (corretora tnaks so much 7k liquido). Amigo, não sei pq vc colocou essa dinheirama toda na poupança, vai usar em breve? Olha, eu poderia sugerir LFT ou pelo menos um fundo DI com liquidez diaria (gosto do da Porto Seguro), falando em Qualicorp eu sou sócio, a gente tem que lucrar tb nesse mercado de saúde privada, comprei a 13 reais, parece que já subiu mt, acredito na empresa. O lucro da empresa deu uma aumentada ou é impressão minha? Parabens!! Cuidado com a creche pq criança q fica mt em creche adoece mt mais pelas trocas de espirros. Mas eh normal até 4 anos de idade a criança gripar umas 15x por ano e durar 7 dias cada. abraço! Sua despesa aumentou muito mesmo!

    Reply
    • 7 July 2016 at 02:42
      Permalink

      Grande frugal

      Viver pagando financiamento não é nada legal, pra ter uma ideia de uma prestação de 2300 só era amortizado uns 600 reais, o resto é juros. Quando comprei a taxa era numa das mais baixas já vistas no país, lembro que a Dilmanta tava tentando levantar a economia jogando mais crédito pra população, alem de fazer quase sem entrada. Enfim, iniciei no financiamento pra poder segurar a oportunidade, mas quando comprei sabia que tinha condições de quita-lo no curto prazo, senão na pior das hipóteses no médio prazo.

      Mas o financiamento nao é de tudo ruim, ele as vezes abre oportunidades para algumas pessoas conseguirem comprar seus imóveis, principalmente alguns que não tem muito conhecimento financeiro, sim eu sei que é desaconselhável pela ótica das finanças, mas temos que olhar a satisfação do usuário também. Enfim é o preço que se paga por não ter um bom controle financeiro.

      Vc deve está feliz ganhando meu dinheiro kkkk pois é não vejo nem como problema da qualicorp, não sei nem se é eles tentando fazer mais lucro, mas sim o fato de que a inflação realmente está bem acima do anunciado pelo governo, ainda não olhei o balanço deles, mas o que me desanimava era esse setor que é muito regulado pelo governo, uma canetada na Qualicorp e os lucros poderiam ir pro ralo.

      A ideia da creche é pra minha filha poder socializar com outras crianças, ela está muito grudada a mãe dela que passa o dia todo com ela, acho que vai ser benéfico, já vi altas evoluções nela só nesses dias que ela ficou lá, a criança aprende muito observando outras crianças.

      Sobre a gripe nem me fala por esses seus cálculos está praticamente 1/3 do ano com gripes… aja coração dos pais!

      Reply
  • 6 July 2016 at 19:12
    Permalink

    VDC, esse é o melhor site de investimentos feito por um pequeno investidor,onde ele mostra a sua trajetória rumo a independência financeira!
    Parabéns pelos posts e tente aumentar o numero de videos, acho de extrema relevância! Logicamente se tiver tempo, que eu acho muito difícil!!!
    Abraços!

    Reply
    • 7 July 2016 at 02:26
      Permalink

      Ola Investidor

      Obrigado pela força, vamos tentar manter uma freqüência maior dos videos o pessoal sempre pede, mas é que eles são mais demorados pra se fazer, geralmente gasto uma tarde quase entre pesquisar um pouco os balanços, falar e depois exportar, e por fim carregar no youtube o vídeo.

      Valeu e continue nos acompanhando.

      Reply

Deixe o seu comentário: