Meu negócio #7: Efeito colateral da reestruturação do comercial

Nossa primeira medida para reestruturar a empresa foi buscar um aumento de receita para a empresa, com isso uma completa reestruturação do comercial, isso causou o nosso primeiro efeito colateral dentro dessa fase para tornar a empresa mais lucrativa e produtiva.

Entenda o que é a série “Meu negócio”

Para aqueles que não conhecem a série “Meu negócio”: Tenho uma empresa de desenvolvimento de software, no qual comercializo um software para o pequeno varejo, entenda aqui como funciona o mercado de desenvolvimento de software.

Pouco depois do meado de 2016 entrei em contato com o meu principal concorrente na intenção de comprar o controle da sua empresa, veja aqui nesse vídeo. Durante a negociação acabamos fazendo uma fusão das duas empresas, veja aqui nesse vídeo mais detalhes sobre isso, com a intenção de montarmos uma empresa mais lucrativa e produtiva.

Com os acordos fechados, começamos o processo de reestruturação completa da empresa,  durante todas essas etapas estou fazendo vídeos e documentando tudo o que está ocorrendo. A intenção é servir de inspiração para outros que desejam entrar no mundo dos negócios e norte para aqueles empreendedores que já estão no meio da caminhada.

Geralmente você já deve ter lido uma serie de livros de empresários, falando como construíram suas empresas, como as tornaram tão lucrativas, você devia assim como eu ficar se perguntando, legal entendi a mensagem, mas na pratica como fazer… isso não vem escrito nesses grandes best-sellers. Aqui você poderá acompanhar todo esse processo rumo ao crescimento bem de perto, e ver na pratica como isso tudo funciona. Tudo aqui falado é real e ocorreu exatamente da maneira descrita.

Claro que teremos momentos que não acertaremos, vai ter hora que precisaremos corrigir o curso do navio, tanto os bons quanto os maus momentos serão aqui compartilhados. São coisas recentes, algo que aconteceu a alguns dias atras, algumas terão efeitos colaterais que nem mesmo vou saber quando estiver gravando. Agora dê o play, curta nosso vídeo, divulgue e se possível comente e venha aproveitar a aventura junto conosco!

Efeito colateral da reestruturação do comercial

Receber novidades por e-mail

Gostou do blog? Então se inscreva no campo abaixo para receber as atualizações via e-mail e curta nossa pagina no Facebook.

10 thoughts on “Meu negócio #7: Efeito colateral da reestruturação do comercial

  • 17 October 2016 at 02:48
    Permalink

    Prezado VD, bom dia.

    Estou gostando muito dessa séria sobre empreendedorismo.

    Continue postando estes conteúdos, além de inspiradores são bastante informativos.

    Gostaria de tirar uma dúvida em relação a sua distribuição de classes de ativos.

    Como vc divide os seus investimentos? Você coloca 50% em ações e 50% em REITs?

    Adota algum critério nessa decisão? No caso de percentuais diferentes desses, poderia explicar qual foi o conceito que vc utilizou para colocar mais em um tipo de ativo e menos no outro?

    Obrigado.

    Boa semana.

    Reply
    • 17 October 2016 at 07:53
      Permalink

      Olá Fernando

      Obrigado. Bom sobre a divisão dos ativos consulte num menu no alto do blog na opção de carteira.

      Sobre a escolha dos percentuais tô pra fazer um post sobre isso mas é tanto assunto mas uma hora sai.

      Reply
  • 16 October 2016 at 22:23
    Permalink

    VD,

    Bacana … empreededores como você são herois no nosso país que pude qualquer um que não queira ser nivelado por baixo ..

    Abs,

    Reply
    • 16 October 2016 at 23:01
      Permalink

      Olá Oshiro

      realmente ser empreendedor aqui nesse país não é uma tarefa nada muito agradável, principalmente quando se coloca na ponta do lápis o quanto se paga de impostos e toda a burocracia de um negócio!

      Reply
    • 15 October 2016 at 18:07
      Permalink

      olá lorranalves

      mais ou menos por aí mesmo

      Reply
  • 15 October 2016 at 12:31
    Permalink

    Cara, animal o vídeo. Curtindo muito essa série sobre seu negócio

    O dinheiro que fica no caixa da empresa fica investido também? Ou fica na conta por questão de liquidez mesmo?

    Reply
    • 15 October 2016 at 18:07
      Permalink

      Valeu Bruno

      sim colocamos em uma aplicação que seja liquida, coisa pra resgatar no mesmo dia ou no máximo no seguinte, no caso não importa muito o rendimento em si porque o objetivo do dinheiro é estar disponível para aplicações rápidas, afinal quando surge uma situação de comprar uma outra empresa vc não pode ser dar ao luxo de ficar esperando uma semana ou mês pra pegar a grana e pagar, tem que ser coisa rápida, se o cara ficar pensando muito nunca é bom rsrstsrs

      Reply
  • 15 October 2016 at 12:17
    Permalink

    Cadê o efeito colateral? Não vi nada de efeito colateral! Os caras tinham que sair mesmo, estou farto de pessoal braço curto nas empresas!

    Parabéns VD! Deveriam existir mais gestores como você.

    E me espelho em você pra tentar montar a minha própria empresa também rsrsrs

    Abraços

    Reply
    • 15 October 2016 at 12:29
      Permalink

      Olá riquinho

      O efeito foi que com a redução da receita deles o irmão consultor pediu demissão e em seguida o outro irmão veio na leva. Se não tivéssemos feito nada eles estariam lá na empresa até hoje sugando as tetas.

      Reply

Deixe o seu comentário: