Um REIT de saúde defensivo com rendimentos atraentes – #5 Revista

Um REIT de saúde defensivo com rendimentos atraentes – #5 Revista

revista-postChegamos na #5 edição, esse número redondo acabou animando e essa edição é a melhor que já escrevi até agora. Vamos falar aqui de um REIT de saúde com foco mais defensivo. Irá protege-lo de eventuais problemas no setor, mas também irá oferecer rendimentos atraentes e robustos.

Todos vocês devem ter acompanhado a minha parceria com a PenseRico e que agora o blog deve se unir ao serviço. Pedi a eles para deixar publicar a edição #5 no formato antigo, apenas pelo efeito de dar a sensação de dever cumprido um número redondo.

Vou sentar com o “board of directors” da PR rsrsrs e vamos definir como faremos nas próximas edições. A revista continuará isso é fato, só precisamos de definir como será esse novo modelo daqui para frente.

ISD

Outra coisa nova que estou colocando nessa edição é o *Índice de Segurança dos Dividendos (ISD)*. Nossa Pontuação de Dividendos responde à pergunta, “o pagamento de dividendo atual está seguro?” Olhamos para alguns dos mais importantes fatores financeiros como históricos de lucro por ação, payout, níveis de dívida, geração de fluxo de caixa livre, “ciclicidade” da indústria, tendências do ROIC e muito mais.

Nosso ISD varia de 0 a 100. Para uma empresa ser considerada conservadora deve marcar ao menos 60 pontos. Pelo que tenho acompanhado, empresas que cortaram dividendos tinham uma pontuação média abaixo de 20 no momento de anúncio do corte.

seguranca dos dividendos.966a877d257b4de6bc95dc73ffb1aa39

Fleet REIT

O Setor de saúde no mercado de REIT é tão grande que só dele tenho aqui uma carteira com 8 ativos tops desse setor, coisa para comprar e dormir tranquilo anoite. O REIT que estou colocando nessa edição é focado em aluguel de salas medicas, então ele tem um portfólio bem diversificado tanto a nível de números de inquilinos quanto a nível de região.

Um REIT que conseguiu crescer o FFO de $0,17 em 2013 para $0,97 agora em 2017 e com estimativa de crescer em 18% esse ano e 6,7% no que vem. Não deixe de conferir quem é um dos REITs mais defensivos do setor de saúde e ainda sim consegue entregar bons rendimentos.

Fleet Stock

Com o titulo de Galway Sotck, vamos falar de uma das maiores empresas da Irlanda, é uma empresa top do setor de equipamentos médicos, uma gigante dos dividendos que tem entregue crescimento de dois dígitos nos últimos dez anos.

Ela fez uma mega fusão no ano passado que fez com que suas vendas crescessem 42%, esse ano eles entregaram um novo produto totalmente revolucionário que já está impulsando as vendas da empresa, e que ainda será totalmente homologado em alguns países, então pode oferecer boas oportunidades nos próximos anos.

Os lucros por ação saíram de $1,95 em 2008 para $2,89 nesse último ano, isso para mostrar o poder de crescimento desta empresa. E sem falar nos crescimentos de dividendos que já estão próximos dos 40 anos consecutivos.

Artigo premium

Vamos mostrar tudo o que você precisa saber para analisar um REIT na bolsa. Saiba que não se analisa REIT como se analisa ações, eles são completamente diferente. Você não sabe quais os indicadores olhar quando se está analisando um REIT ? Essa edição então é obrigatória para você começar com o pé direito e aprender tudo o que precisa saber para analisar um REIT na bolsa americana.

Resolvi falar dos indicadores dos REIT depois que um leitor me enviou um vídeo de analise de um REIT feita por um youtuber, o cara falava tanta coisa errada, utilizando lucro nas analises além de explicar os indicadores totalmente errado, por exemplo o cara chegou a dizer que AFFO é o FFO adequando ao mesmo período do ano passado.

Então tomem cuidado o que andam escutando por aí de gente que se diz especialista em analise de ações, principalmente REIT que não é algo assim tão simples quanto parece, porque você pode estar sendo induzido a erros grotescos como não conseguir entender nem o básico que um indicador quer dizer sobre o ativo.

Se a revista não abrir acima, clique aqui.

Sobre a revista

Essa revista foi concebida para ser uma forma de apoio aos investidores que pretendem ingressas na bolsa americana. Sempre achei que faltava um instrumento de informação para o pequeno investidor aprender sobre como analisar empresas e REITs na bolsa de New York.

Quando estamos montando uma carteira de investimento no exterior, a parte mais difícil é escolher os ativos que farão parte dessa carteira. Esse processo de escolha não existe magica, muito pelo contrario, é um processo trabalhoso e bem chato de se fazer.

A ideia da Revista é encurtar esse processo de estudo sobre como analisar empresas, vamos mostrar com exemplos práticos o que olhar em uma empresa ou REIT. Isso vai proporcionar uma economia de tempo e encurtar seu caminho rumo ao conhecimento pleno do mercado de ações.

Todo material é condensado e simplificado numa linguagem fácil e simples pra você, além disso vamos agregar na revista todo o nosso conhecimento e experiência em investimentos ao longo dos anos no mercado Americano.

Consulte aqui um catálogo com as edições anteriores.

 

Mulheres mais influentes na bolsa de valores

Mulheres mais influentes na bolsa de valores

Ontem a Nasdaq comemorou o “Women’s Equality Day” aproveitando a bola levantada vamos falar sobre mulheres nos negócios, e hoje trago a Adena Friedman que já estava algum tempo com ela aqui na pauta.

Adena, para mim hoje é a mulher mais influente no mundo das finanças, saiba como ela saiu do zero e chegou a comandar uma das maiores bolsas de valores do mundo.

Particularmente não gosto muito dessas datas especificas, me lembra muito aqueles movimentos esquerdistas, porém existe ainda muito preconceito contra as mulheres e principalmente no mercado de finanças.

Fazer protesto como essas Feminazis fazem acho ridículo, acho que devemos combater isso com mulheres cada vez mais preparadas e ascendendo a postos de lideranças, mostrando que são tão capazes tanto quanto qualquer homem.

Vamos falar da nossa musa e esquecer essas Feminazis complexadas. Em Janeiro deste ano Adena Friedman foi a primeira mulher na história a assumir uma bolsa de valores.

Ela assume a Nasdaq num momento bem complicado e com uma grande desafio, recuperar o caminho perdido entre a bolsa digital e a NYSE que tomou alguns IPOs importantes da concorrente.

Além do fato que o mercado corporativo tem sido bem reticente em abrir capital, veja exemplo de gigantes que permanecem com o capital fechado como Uber, Spotify, Airbnb entre outros.

Segundo Adena, sua gestão precisará pensar fora da caixa:

“Se não olharmos para daqui dez anos e não percebermos onde é que a industria estará, seremos ultrapassados”

Assim a CEO tem apostado em melhorar a integração dos serviços, apresentou recentemente uma solução de vigilância que detecta comportamentos ilegais e um sistema de analise das informações.

Tem dado também alguns passos no desenvolvimento de aplicações compatíveis com os dispositivos mais recentes como a Alexa da Amazon ou os HoloLens da Microsoft.

A ultima aposta de longo prazo, foi na área de blockchain, a galera dos bitcoins vai ao delírio, o sistema por detrás da mais badalada moeda virtual do mundo, ajudará a criar um registro imutável das negociações na bolsa.

De acordo com a Friedman o futuro tem um nome. Chama-se Blockchain.

Sua história

Adena foi criada em Baltimore, amantes da série The Wire conhecem bem a região. Ela amava ir com o pai ao seu escritório da T.Rowe Price, galera que comprou a #4 sabe do que se trata, onde o pai trabalhou como diretor-gerente. Sempre que ela tinha folga na escola, ficava rondando em torno da sala de negociação, ajudando os assistentes do escritório, maravilhada com o mar de computadores na época de 1980 e divertindo-se com a possibilidade de interagir com os visitantes internacionais no escritório.

“Quando alguém precisava de ir a cidade, ao invés de ficar em um hotel, na verdade ficavam com agente”. Ela relembra. “Criamos um ambiente muito bom onde colegas eram amigos, e todos se sentiam como se fosse parte da família. Foi muito divertido”.

Como 9 anos de idade a mãe de Friedman se matriculou-se numa faculdade de direito e ela passou a ficar ainda mais tempo no escritório. “Eu sempre fui intrigada com o mercado financeiro” ela disse. E a medida que seu conhecimento sobre finanças e o mercado de ações aumentavam mais ela tinha interesse.

Chegando na faculdade conheceu seu futuro marido Michael Friedman que cursava direito em Vanderbilt. Adena se matriculou no curso de Politica Internacional, porém com o tempo percebeu que o meio politico não lhe agradava, não lhe sentia confortável com o fato de ter que fazer um trabalho rotineiro.

Resolveu então mudar para a escola de Negócios, desde o inicio Friedman se destacou na Vanderbilt. Foi em meio a explosão da Nasdaq em 1990 com a ascensão das empresas pontocom que a Friedman se juntou à companhia.

Friedman baseou-se nos seus estudos de MBA na Vanderbilt para escrever um plano de negócios para a companhia e descobrir como comercializar e vender um novo produto comercial que viria ser chamado de Portal.

Dado a qualidade de seu trabalho Friedman foi escolhida para liderar a divisão de dados em 2000. Depois Friedman foi ganhando novas responsabilidades, como ficou encarregada de adquirir outras empresas. Por isso, ela tinha que utilizar os conhecimentos de finanças que havia aprendido com Owen, que incluía modelagem de empresas para determinar uma faixa de preço justo, na qual desejava comprá-las. “Isso foi um desafio grande para mim”, diz Friedman. Mas também aumentou minha exposição ao lado financeiro e operacional da Nasdaq, abrindo portas como a de diretora financeira da empresa em 2009.

Dois anos depois a Carlyle Group comprou o passe de Friedman e a levou da Nasdaq para ser a diretora financeira do grupo. Em 2014 ela retornaria a Nasdaq, mas dessa vez para substituir o CEO Greifeld.

mulheres nos negócios

Agora nesse ano ela assumiu a empresa como CEO e se torna a primeira mulher a comandar uma bolsa de valores, listando mais de 3.500 empresas nas suas bolsas em todo mundo. Friedman quer construir sua história na Nasdaq tornando-a uma empresa de tecnologia inovadora, explorar formas de melhorar os mercados de capitais para todos os players envolvidos.

Mulheres nos negócios

Acima Adena no IPO da Trivago.

Eu adoro essas histórias de sucesso, de certa forma são inspiradoras para nós, Friedman é só mais um dos vários exemplo de mulheres que tem transformando o mercado financeiro e corporativo.

Adena é fã de carteirinha da série Star Wars e praticante assídua de taekwondo, portanto não tente desafia-la bancando uma de machão, possui uma família com dois filhos que vivem em Washigton onde ela trabalha 3 dias na semana de lá remotamente.

Aquela história de que mulher não dá para finanças, que homem vai faz melhor ao gerenciar empresas, ou que mulheres só conseguem ascensão se apoiadas a sua beleza, isso tudo é um completo bullshit e não passa de insegurança desses sacudos que vivem a repetir essas baboseiras, e Friedman é a prova de que quando alguém tem competência independente das adversidades ela vai chegar ao topo.

Poderia facilmente fazer aqui um Top-10 mulheres do mercado financeiro e ainda sobraria uma grande quantidade de mulheres que fazem a diferença, então se você é daquelas Feminazis o recado que deixo para você é: faça como a Friedman, estude, se aprimore, seja a melhor no que você faz e o mercado irá te reconhecer, porque o dinheiro não tem sexo, religião ou cor.

Para todas aquelas que me acompanham aqui no blog e que tem esse espirito da Adena Friedman de querer vencer por seus próprio méritos, e vem aqui buscando conhecimento e aprimoramento sobre o mercado financeiro, desejo a todas essas muito sucesso nesse dia do “Women’s Equality Day”. Confira as fotos abaixo do evento que rolou na Nasdaq.

 

Wal-Mart ataca Amazon

Wal-Mart ataca Amazon

Uma das queridinhas da minha carteira o Wal-Mart (WMT) avança ainda mais para cima da Amazon (AMZN) revelando que estará firmando uma parceria com o Google (GOOGL, GOOG) para fornecer um produto semelhante ao Alexa onde os clientes podem fazer pedido de centenas de milhares de itens utilizando comando de voz.

Alemanha

As expectativas dos investidores Alemães sobre a economia teve mais uma queda neste mês, conforme apurado pela agencia de pesquisa ZEW já é o terceiro mês seguido com queda, o que levo o indicador de 17,5 pontos para 10 pontos nesse ultimo mês.

Essa queda é reflexo dos escândalos no setor automotivo da Alemanha que deve puxar as exportações para baixo.

Força aérea americana

A força aérea concedeu a Boing (BA) e a Northrop Grumman Corporation (NOC) dois contratos para trabalharem no Ground-Based Strategic Deterrent que é planejado para substituir o antigo programa de misseis.

É o primeiro passo das três etapas para atualização do programa nuclear americano que deverá gastar $500 bilhões que incluem bombardeiros de longo alcance, sendo substituídos pela NOC e os novos submarinos nucleares que agora serão construídos pela General Dynamics (GD)

BHP vai vender sua unidade de petróleo

Com o projeto de reestruturação da empresa a australiana BHP Biliton vai vender a sua unidade de xisto dos USA, a empresa fez investimentos no setor no boom do petróleo e desde então vem sofrendo pressão dos investidores.

Multa para Johnson & Johnson

A empresa foi condenada por um júri na Califórnia a pagar $417 milhões para uma mulher que diz ter desenvolvido câncer no ovário após o uso dos à base de talco da linha de higiene feminina da empresa.

O veredito foi o maior até o presente momento em ações judiciais, o júri alega que a JNJ não conseguiu avisar adequadamente os consumidores sobre os riscos de câncer. A empresa tentará apelar no tribunal para reduzir a pena.

O fim do NAFTA ?

Trump disse num comício no Arizona que não acredita num acordo nas mesas de renegociações do NAFTA, de acordo com ele a zona irá ser encerrada em algum momento pois não tem sido proveitoso para os Estados Unidos manter a parceria com os países vizinhos.

Novas sanções a empresas chinesas

O governo americano colocou novas sanções em pessoas e empresas chinesas e russos que tiveram  negócios na área de petróleo e minério com a Coreia do Norte. Ao mesmo tempo, Secretário de estado Rex Tillerson disse que estaria aberto a “um diálogo” com a Corei do Norte após ter elogiado o país por passar duas semanas sem realizar testes de mísseis.

Preparem-se para mais noticias negativas de WFC

O próprio CEO Timoth Sloan disse para os acionistas se prepararem para mais noticias negativas nas manchetes, mas disse que a melhor coisa que se pode fazer é focar para corrigir os problemas com os clientes. WFC caiu mais 3% depois dessa fala do CEO.

GoDaddy não será mais a mesma

Atual CEO da GoDaddy Blake Irving em cinco anos quadruplicou o valor de mercado da GoDaddy levando-a a $9 bilhões está se aposentando e assumira a empresa Scott Wagner que junto com o Blake comandava a empresa e passará a exercer as funções de CEO em 2018. A empresa (GDDY) caiu após 0,5% após o anuncio da aposentadoria.

Retorno sobre o UBER

Apesar dos escândalos envolvendo a troca de CEO do Uber quatro dos maiores acionistas da empresa estão marcando para baixo seus investimentos no Uber por tanto para 15%, entre elas estão Vanguard, Principal Funds, Hartford Funds e ultima bem quem comprou a revista #4 sabe de qual se trata.

 

 

Compras Agosto 2017 – LMT – DLR – FPI

Compras Agosto 2017 – LMT – DLR – FPI

Esse mês resolvi incluir uma nova participante na carteira, já estava namorando a Lockheed Martin a um bom tempo, finalmente criei coragem e agora ela faz parte do meu time.

Também aumentei posição em dois REIT, um deles já estava bem para trás em peso com relação ao resto da carteira, o DLR estava, alias ainda está um pouco caro, mas eu já tinha deixado ele aguardando e para não ficar muito desproporcional resolvi aportar nele, mas minha intenção era aportar mais forte no mercado de varejo que está com oportunidades fantásticas.

Outro que acabei aportando só para não deixar o dinheiro parado lá foi o FPI, me lembrou bem o FII do Brasil o FLMA11 que hoje é um dos que tenho o maior retorno e montei posição nele comprando cotas com o resto que sobrava dos aportes, hoje vale mais do que muitos ativos aí que receberam aportes robustos.

Lockheed Martin Corporation – LMT

Sobre o LMT fiz um vídeo explicando:

Lembre-se que anunciamos aqui a parceria com a Pense Rico, portanto é importante que você acesse a nossa plataforma e se cadastre para ficar por dentro das novidades. Veja mais aqui nesse vídeo e se inscreva no nosso canal do youtube.

Essa compra adiciona a minha carteira de dividendos o valor de $49,77 isso convertido pelo dólar de hoje teria um crescimento na minha renda de dividendos na faixa de R$ 156,56.

Digital Realty Trust Inc. – DLR

Falei deste fundo em detalhes nesse post de compra do mês de maio desse ano, apesar de ser recente eu havia comprado pouco do DLR e ele estava bem abaixo dos outros REIT de mesmo porte, por isso resolvi dar um novo aporte, não foi grande também, mas já dá uma subida nele.

O DLR está caro, mas não é atoa, não é por capricho do mercado o REIT apresentou nesse 2T17 a receita de $0,36 por ação enquanto que no mesmo período do ano passado foi de $0,19 um crescimento excelente.

Já o FFO foi de $1,44 comparado com $1,36 e o principal indicador que é o AFFO teve $1,54 comparado com $1,42 em 2016.

O Outlook para o final do ano é um FFO de $5,95 a $6,10.

Essa compra adiciona a minha carteira de dividendos o valor de $54,30 isso convertido pelo dólar de hoje teria um crescimento na minha renda de dividendos na faixa de R$ 170,81.

Farmland Partners Inc – FPI

Esses dias não me recordo se foi no blog ou por email um leitor me questionou de porque o FPI ter despencado a cotação, bem vamos tentar dar uma olhada nos indicadores dele e ver se temos algum motivo especifico ou se é apenas o mercado com seu pânico.

Se pegarmos de 1970 até 2015 as terras agrícolas foram as que ofereceram o melhor retorno no mercado, enquanto que todos os REITs giraram num retorno médio de 9,09% as fazendas obtiveram 10,54% de retorno médio ao ano.

Isso não diz absolutamente nada do que está acontecendo hoje, mas serve para ilustrar de porque o Viver de Dividendos resolveu colocar o ativo na carteira apesar de todos os riscos.

O FPI se fundiu com o AFCO que é outra fazenda e formaram o maior REIT de terras agrícolas do mercado. Se olharmos o balanço do AFCO podemos perceber que ele não era tão bem gerenciado quanto ao FPI, mas agora entramos na etapa na qual o FPI vai fazer a sinergia da fusão render frutos, com uma redução de custo forte, pode alavancar ainda mais os bons resultados já apresentados no passado.

A estimativa era que a fusão deve dar um crescimento nos lucros de 10% e poderia ser elevada com a redução dos custos em até 20% pós-sinergias. Este crescimento sugere que o FPI estará bem para cobrir os seus dividendos, mas também manter o caminho de crescimento de dividendos no futuro.

Ocorre que logo no 1T17 ocorreu que os resultados do FPI foram puxados para baixo justamente pela fusão do AFCO e enquanto que em 2016 o FPI apresentou um AFFO de $0,58 em 2017 estimativa é de $0,35 de AFFO.

Já em 2T17 as receitas foram de $11,5 milhões, quase o dobro do período do ano passado. E o AFFO teve um crescimento de 51% comparado ao ano, mas o FPI não elevou a projeção de $0,35 até o final de 2017, o CEO disse que o 4T tende a ser mais forte, os analistas fizeram os cálculos e estima-se que deve fechar algo entre $0,41 a $0,53 no anual.

No melhor cenário ele bateria os dividendos do ano passado, por isso é um investimento e movimento de alto risco, pelo pouco que conheço a administração do FPI, dou um palpite de que eles devem conseguir virar essa chave em 2018, até lá meus aportes no FPI será sempre essas rapas do taxo.

Cobrir os dividendos é algo muito importante para mim, e mesmo que esteja muito barato, preciso de ter cautela, será que consigo? A tentação de aportar mais é muito grande!

Essa compra adiciona a minha carteira de dividendos o valor de $3,06 isso convertido pelo dólar de hoje teria um crescimento na minha renda de dividendos na faixa de R$ 9,63.

Ao todo foram acrescentados na minha renda de dividendos $107,13 ou seja R$ 337,00 a mais por ano para somar na minha bola de neve.

Empresa Código Qtde
Lockheed Martin Corporation LMT 7
Digital Realty Trust Inc. DLR 15
Farmland Partners Inc. FPI 6

Já atualizei a minha carteira com essa nova aquisição.

Enquanto isso…

  • O Viver de Dividendos você não tem medo de terrorismo aí na Europa ?
  • Cara eu sou Brasileiro nasci num estado que tem o equivalente a um “ataque terrorista” a cada hora, tô de boa!

Foto postada pelo Sérgio Moro

Pense Rico e Viver de Dividendos juntos

Estamos anunciando uma parceria fantástica com uma plataforma completa de investimentos na bolsa de valores, estamos falando da Pense Rico. A plataforma da PenseRico é uma ferramenta completa para lhe auxiliar a operar na bolsa de valores brasileira e americana.

Veja no vídeo abaixo o que a Pense Rico pode fazer por você:

A PenseRico possui um quadro de ações trazendo informações sobre os resultados da empresa, mostrando isso tudo de forma bem intuitiva e prazerosa, veja um print de algumas telas da plataforma:

pense rico indicadores plataforma

Pense Rico com diversos gráficos:

penserico grafico

Além disso temos um blog, um fórum, uma rede social e um game. Somos a melhor comunidade financeira da bolsa de valores.

 

Julho de 2017 – Dividendos recebidos

Julho de 2017 – Dividendos recebidos

Esse é o meu assunto favorito no blog, falar sobre recebimentos de dividendos é muito bom, de certa forma cada mês que escrevo artigos como esse é como se fosse dado mais um passo rumo a independência financeira. Chega a ser fantástico se levarmos em consideração que esse montante que estou a receber nesse mês é fruto de uma ação que tomei no passado e que vai me beneficiar por anos trazendo um retorno passivo.

Procuro ativos que proporcionem segurança na distribuição acima de altos retornos, minha ideia não é enriquecer da noite para o dia, mas sim criar uma cesta de dividendos que me permita receber rendas por gerações.

Enquanto que o mês passado meus dividendos vieram abaixo da barreira de 1k, esse mês foi para quebrar o recorde, foi o mês que mais recebi dividendos em toda a história. Em janeiro havia sido o melhor resultado no ano esse mês superou em + 12% o inicio do ano.

Esse crescimento, só podia vir dos USA. As ações americanas antes dos impostos esbarraram perto da casa dos 1,4k será que esse ano ainda consigo romper a barreira psicológica dos 1,5k apenas em ações americanas?

Mês passado fiz um vídeo explicando como gerencio minha carteira de dividendos, reveja aqui. Durante a revisão da carteira identifiquei apenas uma empresa com problemas no balanço. Vamos ver como a Coca-Cola tem enfrentado as adversidades.

Coca-Cola Co – KO

Quando montei a minha carteira a Coca foi uma das primeiras da lista, na verdade ela foi a 5 empresa, bem comprei logo no segundo aporte na bolsa americana. A empresa dispensa apresentações, vamos focar então nos resultados.

A Coca nesse ultimo 2T17 apresentou uma retração nas receitas, com $9,7 bilhões sendo que o maior impacto de 17% veio por conta de uma operação de refranchising e em seguida 2% por conta do cambio. Fora esses não recorrentes a empresa reportou que as receitas do core business cresceu 4% que só não teve um desempenho melhor por conta de duas estrelas na Americana Latina: Brasil e Venezuela.

Bem a Coca não foi a primeira e nem será a ultima, apesar de com razão, a jogar a conta dos resultados fracos na economia Brasileira. Aí você percebe que a cagada do PT não foi só a nível Brasil, mas arrebentou com o mundo todo.

Sabemos que as coisas não estão lá muito legais para a Coca-Cola, mas o que eles estão fazendo para reverter isso?

Eles estão transformando todo o seu portfólio de bebidas, reduzindo as bebidas com açúcar, falei no vídeo de gerenciamento da carteira, sobre as vitimas que o maldito politicamente correto tem feito.

Um dos principais pontos de ataque da empresa tem sido a Coca-Cola Zero que tem crescido a dois dígitos as vendas em todo o mundo com destaque para América Latina e Europa. A nova receita de Coca Zero já está em mais de 25 países, com destaque no faturamento para UK e México. A nova formula deve entrar no mercado americano em agosto desse ano.

Outra estratégia que a empresa vem tomando e aquisição de novos produtos como chás gelados. Ao todo no mundo inteiro a empresa colocou mais de 500 novos produtos no seu portfólio. Além de levar algumas marcas de sucesso para outros mercados. Em UK foi introduzido novos sabores do suco Oásis, um sucesso na Europa Ocidental Honest Tea foi expandido para a França, Holanda e Bélgica. Na asia concluiu o lançamento da Sprite Zero na China e uma nova linha de chá no Japão a Sokenbicha (com esses nomes doidos só podia ser lá mesmo). Na américa latina o destaque foi para a performance da nova água mexicana a Ciel Exprim Fresa.

Refranchising

Ok até aqui entendi tudo Viver De Dividendos, mas você disse que o grande vilão da KO foi um tal de refre-o-que ? O que é refranchising?

O sistema de refranchising é muito comum na economia americana, onde a empresa vende unidades próprias para outros franqueados ou para novos investidores.

A vantagem disso para empresa que ela consegue melhorar a rentabilidade, pois repassando as operações para franqueados, a franqueadora reduz sua estrutura de gestão e aumenta a eficiência das unidades nas mãos dos franqueados.

O que a Coca fez foi assinar com a Reyes Holding LLC passando o controle dos territórios da Coca-Cola Refreshments (CCR) na Califórnia e Nevada e com Liberty Coca-Cola Bevarages LLC os territórios de New York City e Philadelphia. A ideia da Coca-Cola é repassar 100% do território americano para o refranchising até o final do ano.

No webcasting a primeira pergunta, foi sobre a refranchising, meio obvio. Questionado se os novos franqueados estavam sendo mais agressivos nos mercados recém assumidos o CEO James Quincey afirmou que sim, já estavam vendo resultados positivo dessa passada de bastão. No mundo inteiro a Coca-Cola terá sob seu guarda-chuva com operações próprias apenas 36% de todo o negócio.

Invista nos Estados Unidos

Se você gostou da Coca-Cola (KO) ou de outras empresas semelhantes a ela, saiba que é possível investir nos Estados Unidos de forma simples e barata. Não precisa ter tanto dinheiro e pode-se operar daqui do Brasil.

Abra sua conta numa corretora americana, diversifique seus investimentos em dólar e comece agora mesmo a montar sua carteira de ações nos Estados Unidos. Veja aqui como Abrir uma conta na corretora americana.

Utilize a RemessaOnline para enviar dinheiro para a conta da corretora ou para enviar remessas ao exterior de forma fácil e barata.

Dividendos recebidos na BVMF
Ativo Cód Valor
FII AG CAIXA AGCX11 R$ 34,16
FII BB PRGII BBPO11 R$ 52,52
FII CX CEDAE CXCE11B R$ 54,99
FII GALERIA EDGA11B R$ 9,38
FII EUROPA EURO11 R$ 27,30
FII ANH EDUC FAED11B R$ 54,68
FII RIOB RC FFCI11 R$ 24,28
FII RB CAP I FIIP11B R$ 41,89
FII S F LIMA FLMA11 R$ 34,94
FII CSHGSHOP HGBS11 R$ 24,80
FII CSHG LOG HGLG11 R$ 43,50
MAXI RETAIL  MAXR11B R$ 18,74
FII D Pedro PQDP11 R$ 14,04
FII Hotel Maxinvest HTMX11B R$ 24,33
RB CAPITAL RENDA II  RBRD11  R$ 32,80
Total   R$ 492,35
Dividendos recebidos na NYSE
Ativo Cód Valor
Coca-Cola CO KO 6,47
Walt Disney Co DIS 9,83
Genuine Parts Company GPC 3,78
Chubb Corp CB 15,62
Union Pacific Corp UNP 2,97
REALTY INCOME CORP O 12,44
Chatham Lodging Trust CLDT 23,86
STAG INDUSTRIAL INC STAG 16,90
EPR PROPERTIES EPR 19,52
Digital Realty Trust Inc DLR 23,44
Essex Property Trust Inc ESS 9,80
Kite Realty Group Trust KRG 8,26
Ventas Inc VTR 56,97
Farmland Partners Inc FPI 46,59
Iron Montain Inc IRM 45,81
Total  R$ 991,41  US$ 302,26

Total Geral: R$ 1.483,76

• Dólar utilizado para conversão: R$ 3,28 (veja aqui)

• Valores de dividendos recebidos das ações de NYSE já são declarados como líquidos, ou seja considerando o imposto de renda.

Acompanhe na pagina com as atualizações dos rendimentos mensais e veja como anda a evolução da minha carteira.

Veja como funciona os dividendos no EUA.

[jetpack_subscription_form show_subscribers_total=0 title=”Receber novidades por e-mail” subscribe_text=”Gostou do blog? Então se inscreva no campo abaixo para receber as atualizações via e-mail e curta nossa pagina no Facebook.” subscribe_button=”Inscrever!”]

Intel e os carros autônomos – News

stocknews

Ontem fiquei acompanhando a fatídica eliminação do Palmeirinha da Libertadores e não conseguir ter animo para postar. Então hoje retomamos com tudo!

Cada semana é uma empresa nova tentando entrar nesse setor que será o grande boom, os carros autônomos vão mudar o dinheiro de mãos.

Desta vez foi a Intel que oficialmente anunciou que está construindo uma frota de 100 carros para testar sua tecnologia de auto condução, como ela tenta passar a frente de rivais como a Qualcomm (QCOM) e Nvidia (NVDA).

O projeto será uma parceria entre Intel (INTC) e Mobileye (MBLY) e os testes serão feitos nos USA, Europa e Israel.

China chama de frangos o Trump e Jong-un

Com a crise ocorrendo em seu quintal, o Ministério do Exterior da China emitiu uma declaração exortando ambas as partes interessadas para evitar qualquer ação ou palavras que poderiam “gerar problemas, intensificar ou agravar a situação”. A impressa estatal chinesa está dizendo que este é um jogo de frango entre USA e Korea do Norte e que as duas partes deveriam retomar os diálogos.

Facebook complicando a vida do Google

Mark acaba de lançar uma plataforma de vídeo rival ao Youtube (GOOGL, GOOG) chamada Watch (FB), que contará com conteúdo original de seus parceiros.

SEC azeda a venda do Chicago Stock Exchange

Um fundo chinês, está tentando comprar a Chicago Stock Exchange que teve seus planos de aquisição dificultados pela SEC. A bolsa de Chicago foi fundada em 1882, a CSE é a menor bolsa dos USA com cerca de 1% da negociação de capital do país.

Tesla e o caminhão elétrico

De acordo com documentos vazadas para a Reuters, Tesla (TSLA) está com planos avançados para desenvolver um caminha semi elétrico e que teria auto condução. Empresas de tecnologia veem potencial para longo prazo nos caminhões autônomos, reduziria os custos em determinadas rotas, mas a questão das baterias tem que ser melhorada.

 

Como achar boas empresas na bolsa de valores

Como achar boas empresas na bolsa de valoresO tema de como achar boas empresas na bolsa de valores, surgiu de um comentário do leitor nesse post onde falo sobre como faço o gerenciamento da minha carteira de dividendos. A ideia do vídeo não é apresentar como eu faço a avaliação de empresas, na verdade é um passo antes disso, como faço para colocar empresas no meu radar, sabemos que a bolsa americana tem milhares de empresas fantásticas, mas como e quais empresas deve-se separar para em seguida estudar mais sobre elas.

 

AT&T vai liquidar a CNN – News

stocknews

Rola rumores que a AT&T poderia alienar a CNN para conseguir comprar a Time Warner (TWX), porem o diretor da CNN John Stankey disse que a rede de noticias não está a venda.

Resultado comercio chinês

Os dados do comercio chinês vieram abaixo das expectativas em julho, um crescimento das exportações da segunda maior economia do mundo de 7,2% enquanto que as importações aumentam 11% porém ainda continuando com o superávit que agora está em quase $47 bilhões no ano.

McDonalds apostando na fome chinesa

A maior fast-food do mundo está apostando na fome dos chineses e pretende abrir 2.000 novos restaurantes em 5 anos quase dobrando sua rede no país indo para mais de 4.500 lojas apenas na china. A estratégia denominada “Vision 2022” é uma parceria do MCD com a Citic (CTPCY) e a Carlyle (CG) para conduzir a empresa a um crescimento nas vendas de dois dígitos.

Citi e o processo de litígio

Citigroup ( C ) concordou em pagar $130 milhões para resolver um processo de litígio antitruste o governo dos Estados Unidos acusando-os de conspirar com rivais para manipular a Libor. Esse já é o segundo processo do gênero o primeiro foi contra a Barclays (BCS) chegaram num acordo semelhante para $120 milhões em novembro de 2015.

Mais um golpe para o povo da Venezuela

A produção de petróleo na Venezuela é responsável por 95% da sua receita. Repsol (REPYY) retirou todos os trabalhadores estrangeiros dos campos de petróleo do país em meio ao aprofundamento da crise econômica, enquanto Chevron (CVX), Statoil (STO) e Total (TOT) estão removendo aos poucos seus funcionários.

Maior transportadora de containers

A maior transportadora de containers marítimos a South Korea`s Hanjin Shipping (HNJSF) conseguiu juntar apenas $220 milhões para arquivar o processo de falência que existe nos tribunais de New Jersey. A divida total da empresa é de $10,5 bilhões.