Perspectivas do mercado de FII

Nesse vídeo explico:

  • Uma perspectiva sobre o mercado de FII para os próximos anos e uma visão do momento atual.
  • Uma analise no setor de Fundos Imobiliários de Escritório.
  • Explico como selecionar FIIs com boa qualidade.
  • Medidas que o investidor pode tomar para se proteger do momento conturbado pelo qual o mercado irá passar.

 

4 thoughts on “Perspectivas do mercado de FII

  • 3 August 2016 at 11:02
    Permalink

    Muito bom e esclarecedor o vídeo! Estou começando a aportar em FII e tive vários insights com seu material.

    Queria aproveitar para perguntar uma coisa fora até do assunto investimentos. Como você faz para gravar esses videos em que você aparece num quadrinho no canto e ao mesmo tempo grava a tela do seu computador para mostrar exemplos?

    Agradeço se puder dar essa dica!

    Abraços.

    Reply
    • 3 August 2016 at 12:29
      Permalink

      No próprio Mac vc consegue fazer depois tu joga no iMovie e faz os detalhes.

      Reply
  • 12 March 2016 at 05:26
    Permalink

    Boas,

    Contratos atípicos é o bicho!

    Só o aumento da taxa de juros nos EUA que não chegou a impactar tanto aqui no Brasil.
    O que tá impactando é a parte politica aqui no Brasil.

    Ninguém consegue prever esse absurdo que está acontecendo agora.

    Reply
    • 12 March 2016 at 06:52
      Permalink

      O pulo do gato no longo prazo está nos contratos atípicos.

      Falando de preço das cotas

      Eu vejo até que o cenário político brasileiro está favorecendo os FIIs. Vc deve estar se perguntando como..

      Bem veja o número de investidores na própria blogsfera que migraram das ações (essas sim estão sofrendo com a política) para os FIIs. Até 2014 ninguém quase não se falava de FIIs nos blogs.

      Esse gira gira acabou segurando um pouco as cotas. O que vc acha ?

      Falando de fundamentos
      Bem aí sim a política correu o nosso equilíbrio de oferta x demanda.

      Aliás eles detonaram na ponta da demanda. Quanto isso não tenho nem o que lhe questionar.

      Reply

Deixe o seu comentário: