2 thoughts on “Prates: Livre arbítrio ou destino?

  • 18 August 2015 at 13:40
    Permalink

    Filosoficamente é difícil dizer que livre arbítrio existe, pra mim é uma ilusão que a escolha é livre já que estamos em uma cadeia de causa e efeito. Só estamos colhendo os frutos que plantamos em nossa história, com nossa cultura muito diversificada e bonita, mas muito desorganizada e falha. Infelizmente.

    Talvez em um futuro nossa cultura mude para melhor e as rodas da causa e efeito nos favoreçam, mas enquanto isso, melhor não alimentar muita esperança.

    Reply
    • 19 August 2015 at 02:04
      Permalink

      Concordo contigo que toda a ação tem uma consequência, mas o fato de não agir não condiciona ninguém a liberdade, muito pelo contrario livre são aqueles que fazem algo, se levantam cedo dispostos a mudar o seu eu ou algo ao seu redor se deixar levar por um pensamento de que não adianta fazer nada pois não importa o que eu faço a sociedade não vai me favorecer pois sou um pobre coitado, enfim isso pra mim é pensamento de esquerda.

      Para todos aqueles que estiverem dispostos a mudar o futuro, certamente o mundo e a sociedade lhe apresentaram dificuldades mas a persistência sempre abre portas. A pior derrota e a pessoa se conformar com a derrota.

      Reply

Deixe o seu comentário: