BVMF: Compras Fevereiro 2016 – HGLG11

 

imagesMeu aporte na bovespa foi proveniente dos dividendos, alias mandei só R$50,00 pra completar e comprar duas ações. O aporte foi destinado a um FII seguindo minha estratégia que venho tomando desde outubro quando aportei pela ultima vez em uma empresa brasileira.

Meu aporte esse mes foi para o CSHG Logistica (HGLG11) como já havia comentado nesse vídeo tenho evitado FII de escritórios e focado em fundos que forneçam contratos atípicos. Minha ideia é manter uma segurança nos proventos ao invés de focar em alto retorno de yield.

Fundos de escritório terão dificuldades na hora de fazer o reajuste dos seus alugueis, e com o cenário atual muitos fundos de escritório terão que manter o valor dos alugueis, isso pros que tiverem sorte, pois boa parte terá que reduzir para não perder o inquilino.

No longo prazo um fundo não conseguir nem cobrir a inflação nos reajustes é algo muito ruim, soma-se a isso o fato dos escritórios sofrerem bem mais com uma taxa de vacância dado que a oferta desse tipo de imóvel está bem maior que os demais.

O HGLG11 é um fundo de logística com 119 unidades locáveis em 8 empreendimentos. A taxa de contratos atípicos é de 42% dos contratos, não é o melhor dos mundos mas a diversificação de inquilinos e imóveis acaba compensando.  A taxa de vacância está em 0,59% ou seja praticamente não existe isso demonstra a qualidade dos imóveis do fundo. No mais para quem está em busca de um fundo de logística HGLG11 pode ser uma opção a ser avaliada.

Compra de fevereiro de 2016 na bolsa brasileira
Empresa Código Qtde
CSHG Logistica  HGLG11   2

Já atualizei a minha carteira com essa nova aquisição.