Entenda as classes de ações da Unilever

unileverVamos mostrar nesse artigo como funciona a estrutura de classes de ações da Unilever, que é bem diferente de todas as outras empresas da bolsa, não me recordo de nenhuma outra empresa que tenha uma estrutura parecida, se conhecerem me avise aqui nos comentários.

Esse post meio que surgiu de um comentário do leitor Lucas que me questionou sobre qual dos códigos da Unilever era ordinário. Respondi de pronto a ele, mas achei interessante compartilhar com vocês pois não é algo muito comum.

Estou montando uma carteira de ações de empresas Europeias, nada muito grande, talvez umas 5 ou 6 empresas. Já tenho adicionado à carteira a ChubbAutoliv, ambas tem me dado muitas alegrias até o momento. A Unilever é um das empresas que estão na minha lista de compras, ainda não aportei na menina, mas está quase.

Se você está operando no mercado americano, terá dois códigos para comprar a Unilever: Unilever NV (UN) e Unilever PLC (UL). Vamos entender o que tem de diferente em cada uma delas.

Estrutura da empresa / história

A Unilever foi fundada em 1930, após a fusão de negócios entre Naamlooze Vennootschap Margarine Unie dos Países Baixos e Lever Brothers Limited do Reino Unido ou poderíamos dizer Holanda e Inglaterra (estaria incorreto, mas eu gosto de provocar).

Para evitar a tributação punitiva, imposições entre outras pendengas, as duas empresas uniram seus interesses em prol de uma fusão de negócios invés de uma fusão jurídica.

Duas empresas de controle foram criadas, uma inglesa (Unilever Ltd – agora Unilever PLC) e outra holandesa (Naamlooze Vennootschap Margarine Unie – agora Unilever NV). Para permitir que ambas empresas operem como uma única entidade jurídica, uma serie de acordos foram firmados: partilha mutua de marcas e tecnologia, equalização de dividendos, garantia mutua de empréstimos obtidos, conselhos de administração idênticos e igualdade de tratamento dos acionistas em caso de dissolução.

Veja abaixo um gráfico ilustrando:

unilever

O acordo de equalização prevê que ambas as empresas adotem os mesmo princípios de contabilidade. Ele também requer que os dividendos e outros direitos ou vantagens inerentes a cada ação ordinária sejam iguais em cada uma das ações.

Fico só imaginando a trabalhera que não deve dar fechar esses balanços, lembre-se que os ingleses usam a Libra e os holandeses o Euro.

Dica para vida: quando for informar algum valor em euro não informe com o símbolo antes dos números, mas sim depois dos números. Vamos olhar dois exemplos, primeiro veja como funciona informar cem dólares: $100,00 agora veja como deve ser feito o mesmo valor em euros: 100,00 € o símbolo sempre vem depois, fica a dica de conversão utilizada aqui na Europa. Já vi muitos europeus cometerem esse erro crasso.

A Unilever NV, uma empresa operada originalmente na Holanda com ações sob o ticket UNA em Amsterdam e ADR na NYSE sobre o código UN.

A Unilever PLC, uma empresa operada originalmente no Reino Unido com ações sob o ticket ULVR na bolsa londrina e ADR na NYSE sob o código UL, porém seus dividendos e balanços são declarados em Euro.

Resumindo teremos:

Trade Unilever NV Unilever PLC
Local UNA em Amsterdam ULVR em Londres
USA na NYSE UN UL

Abaixo teremos o fluxo de cambio que ocorre para o dinheiro chegar na sua mão pela distribuição dos dividendos:

Trade Unilever NV Unilever PLC
Local Euro – Euro Euro – GBP
USA Euro – USD Euro – USD

Agora vamos nos concentrar no ponto de vista de um investidor na bolsa americana que pretende investir na Unilever.  A nível de tributação vejo que a UL tem uma vantagem por termos um acordo entre os USA e UK (não se confunda com o monte de U isso só vai piorar daqui pra frente).

UN UL
Imposto dividendo na fonte 15% 0%
Imposto dividendo nos USA 30% 0%

Nessa segunda linha da tabela, temos o imposto pago por nós brasileiros. Por não sermos residentes nos USA, lembre-se que se for residente de lá vc consegue 0% de imposto, porém se for estrangeiro paga 30%.

Como então na segunda linha da UL vem zerado, bem isso é um acordo com os USA e UK como disse antes, não existe cobrança de empresas inglesas, tinha o HSBC na minha carteira era revigorante receber os dividendos sem imposto algum.

A primeira vista a UL parece ser uma opção bem mais interessante, considerando-se que a UN morde-se 15% pra mandar pros USA e depois o governo americano nos morde mais 30% do que sobrou. Se tiver uma conta tributada (como é o nosso caso) sem duvidas alguma a UL será mais interessante, se for um cidadão americano e tiver uma conta isenta de impostos precisa-se fazer as contas pois existe um spread entre uma ação e outra.

Não consigo entender o mercado as vezes, a UN é visivelmente mais cara a nível de impostos do que a UL, porém atualmente o pessoal está pagando mais pela UN, mas nem sempre foi assim, pelo contrario a UL chegou a ser tão mais cara que a UN que não compensava compra-la. Seria estupidez do mercado? Seria desinformação?

Não quero saber a resposta, prefiro pensar que o Brexit pode ter feito algum efeito manada no mercado e fez com que as ações da UL caíssem abaixo da UN, porque não faz sentido algum pagar mais caro e receber menos dividendo pela mesma empresa.

Os dividendos são os mesmos, independente da empresa estar na Inglaterra ou na Holanda, no final ambas compartilham os resultados, então não faz sentido algum, enfim não tente entender o mercado que ficará tão maluco quanto. Só aproveite a onda da manada.

Gostou do blog? Então ajude a divulgar, fale sobre o Viver de Dividendos para seus amigos, esse boca a boca é muito importante, além de ajudar o site, modéstia a parte, você estará ajudando seu amigo :)

Revista Viver de Dividendos

Investe na bolsa americana e não sabe como identificar empresas fantásticas para colocar na sua carteira? A Revista Viver de Dividendos é feita para lhe ajudar nos estudos de empresas da bolsa americana, toda edição estudamos um REIT e de uma empresa.

Pegamos o case de negócio de cada um dos ativos e mostrarmos a você na prática o que deve olhar e como procurar informações importante sobre as empresas e REIT.

Conheça a Revista Viver de Dividendos, nesse mês falamos da empresa que mais se beneficiaria de uma crise na bolsa americana.

Papo de Dividendo #5: STX – CP – YHOO – NSRGY – UL – MCD – BXLT – FCAU – SAP – DBOEY

Papo de dividendo dessa semana vai falar sobre:

– Seagate sofrendo
– Canadian Pacific disse que agora acabou
– Briga por Yahoo se resume a 2 empresas
– Veja as vendas da Nestle e Unilever
– McDonalds está vendendo restaurantes, se interessa em comprar ?
– Baxalta e Shire
– Fiat vai fazer fusão com…
– SAP tranquiliza investidores
– Deutsche Boerse começa as tretas com os ingleses

– IPOs da semana: RRR – SCWX

Você pode assinar o Feed do Podcast ali do lado ou utilizando esse link, é muito pratico e simples.

Viver de Dividendo Papo de Dividendo #5: STX - CP - YHOO - NSRGY - UL - MCD - BXLT - FCAU - SAP - DBOEY
Like
0 plays
0 likes

 

 

Lembrando ao pessoal que a promoção do mês passado continua valendo pra esse mês, onde a DriveWealth paga um bônus de $25 para aqueles que fizessem um deposito superior a $250. Veja aqui como abrir uma conta numa corretora americana e comece a investir agora mesmo em ações de grandes empresas americanas. Veja aqui sobre a promoção e sobre a parceria do blog com a DriveWealth.

cc0e50e0-7167-41c5-9862-cfe422a3a5ab

Pare de se preocupar com o preço da ação! Com o recurso de comprar ações fracionadas na DriveWealth, você pode investir a quantidade que você dispões em Ações, ETFs ou ADRs que a DriveWealth oferece.

Você irá receber $25 dólares quando fizer um deposito de $250 ou mais na sua conta!