Tenha sempre um plano B – Imigração #8

Flag_-_Frankfurt_Am_Main

Vamos falar sobre a importância da contingência, quem trabalha na área de TI sabe como essa palavra é fundamental para o sucesso. Na vida não poderia ser diferente, para os mais leigos é como: Tenha um plano B para sua imigração.

Costumo falar que se tratando de imigração, a única certeza é que algo vai dar errado. Você vai enfrentar problemas, precisará de superar desafios, enfim são muitas variáveis para que tudo dê certo, e quando tudo falha você precisa de ter um backup para acionar.

Vou mostrar um exemplo, de um amigo que imigrou não se adaptou e não pensou muito bem no plano de contingência, então segue a tradicional frase de abertura do Fargo que foi adaptada para este vídeo:

This is a true history. At the request of the survivors, the names have been changed. Out of respect for the dead, the rest has been told exactly as it ocurred.

https://www.youtube.com/watch?v=Xsn7kBxWJs8

ps. Quando falei do vídeo anterior era sobre o vídeo #5 da série, esse vídeo foi gravado antes dos 6,7 e por isso deu esse gap.

Serie imigração

Estamos trazendo atualizações sobre nosso processo de imigração para Alemanha, conheça um pouco mais sobre como essa história começou aqui em Viver de Dividendos na Alemanha. Quando se toma a iniciativa de imigrar para algum país, precisa de um bom planejamento e determinação.

Começamos a preparar a alguns anos e desde então temos caminhando para alcançar esse nosso objetivo. Tudo começou no Brasil em 2014 onde tivemos que estruturar todo nosso modo de vida por lá, podemos falar também da empresa, enfim tivemos que nos privar de algumas coisas por lá pra chegar até aqui.

No final de 2015 começamos o Stage 2 onde iriamos para Irlanda passar alguns meses aprimorando o inglês. Chegamos no final de 2016 e desbloqueamos ao Stage 3 que é a fase na qual vamos começar o processo de visto para a Alemanha, depois disso temos mais alguns Stages pela frente, não perca essa saga e continue nos acompanhando.

13 thoughts on “Tenha sempre um plano B – Imigração #8

  • 14 June 2017 at 11:49
    Permalink

    Bom dia! Realmente, imigrar é complicado mesmo. Já tive experiências no exterior e sei das broncas que se encontra, agora estou no processo para voltar em definitivo para o exterior. Também vou para a Europa, meu sonho seria retornar a Londres, onde já morei durante um bom tempo, mas os ingleses não querem estrangeiros por lá mais. Portugal é por onde penso em chegar, mas com a diferença que já tenho cidadania italiana! Boa sorte na empreitada e estou acompanhando ela!

    Reply
    • 14 June 2017 at 19:31
      Permalink

      Olá Marco

      não vejo esse tipo de coisa em Londres, na verdade o pessoal lá tá tão acostumado com tanta gente de tanto lugar diferente que vc nem vai perceber nada, agora intereior da Inglaterra aí são outros 500

      quanto a Portugal recomendo porque o país é fantástico

      Reply
      • 16 June 2017 at 12:47
        Permalink

        Pois é, mas acontece que apor Brexit já me informei com alguns conhecidos de lá e algumas coisas já mudaram, já estão complicando mais para quem procura trabalho e não é britânico, mesmo sendo europeu e ainda sendo legal trabalhar.
        Portugal dizem ser mesmo, provavelmente voltarei a Europa e irei conhecer o país antes de me fixar em algum lugar (tenho situação diferente da tua pois não tenho filhos para me preocupar ainda)

        Reply
        • 16 June 2017 at 23:22
          Permalink

          só tenho a lhe desejar sucesso nessa sua empreitada nova :)

          o caminho é esse mesmo, vai vê como é se gostar finca bandeira

          Reply
  • 13 June 2017 at 23:38
    Permalink

    Primeiramente, parabéns pelo conteúdo. Em segundo, gostaria de saber se para operar nos EUA é necessário fazer a prova da FINRA o tal de, series 7. Eu vi isso num site BR e queria saber se é balela. Abraços.

    Reply
    • 14 June 2017 at 19:30
      Permalink

      Valeu Paulo,

      não tem nada de prova, o mercado americano é muito mais aberto do que aqui, imagina se iriam exigir isso dos investidores, completamente sem noção quem disse isso

      la nem para indicar ação vc precisa de certificação, a única exigência é q vc diga se possui posição numa empresa quando fala da mesma.

      Reply
  • 13 June 2017 at 21:04
    Permalink

    Te desejo sorte e espero um dia poder fazer tb! Você poderia me indicar um curso de análise fundamentalista? Sabe dizer se o da ANBIMA é bom? Obrigado

    Reply
    • 13 June 2017 at 21:55
      Permalink

      Valeu Marcio. Tenho certeza que vc vai conseguir. Sobre o curso não sou muito cético nos cursos atuais, minha filosofia de investimento é bem diferente do que vc por aí por isso é difícil lhe dizer sobre isso

      Reply
  • 13 June 2017 at 19:15
    Permalink

    Fala VdD,Sucesso aí na sua jornada.

    Vou aproveitar que estou por aqui e abordar um assunto off-topic.

    Você tinha comentado que programava em c#, mas que também sabia Java, presumo que sua softwareHouse vcs programam em c# WPF ou Forms.

    Minha dúvida é a seguinte, hoje trabalho como analista, mas programo em java em background pra ser mais específico em casa, comecei a ver c# e gostei bastante da linguagem, parece bem mais moderno que Java, e o visual studio ajuda bastante, vc acha que vale a pena tentar se especializar em c# asp.net??

    Reply
    • 13 June 2017 at 21:54
      Permalink

      Fala Holder

      Sim wpf

      Não sou fã boy do Windows mas é o que o pequeno varejo usa, tem que dançar conforme a música

      Difícil te dizer isso, mas eu iria de c# não sou muito fã do Java. Na verdade se for aprender a modinha é pra ir num nodeJS que eh bem mais moderninha o c# parece um dinossauro perto deles. Mas se for pra desktop seu foco aí vale a pena o c#.

      Cara tô pra fazer um vídeo sobre linguagem de programação

      Tô nessa pendência desde final do ano passado rsrsrs não briga comigo uma hora sai

      Reply
      • 13 June 2017 at 22:14
        Permalink

        Seria bom uma análise sua sobre linguagem de programação, aprendi java na faculdade aquela pincelada, só que estudei por fora pra pegar uma bagagem a mais.Agora comecei a estudar c# achei mais moderna e não tive muita dificuldade de me adaptar, visto que java e C# é bem parecido.Mas JS está nos meus planos de estudo de qualquer forma visto que meu foco é a WEB, então saber JS é fundamental, depois facilmente eu herdo NodeJS rsrsrs

        Valeu Abs

        Reply
    • 13 June 2017 at 11:54
      Permalink

      Valeu CI

      Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *