Primeiros passos para montar uma carteira de Dividendos

 

Primeiros passos para montar uma carteira de DividendosNesse vídeo vou falar sobre os primeiros passos para montar uma carteira de Dividendos, veremos como é importante diversificar não só entre ações, mas em tipos de ativos diferentes e também em países diferentes. Falo sobre quantas empresas são ideais para se ter na carteira de ações, e como balancear esses pesos ao longo do tempo.

Mostro qual a minha estratégia na escolha de empresas e fundos no Brasil e nos USA, como montei minha carteira pra me defender de variações e crises sistêmicas, aprenda a fazer uma seleção de ativos que tenham características especificas para lhe defender de possíveis crises.

Falo um pouco também sobre algumas etapas que você deve tomar para selecionar a carteira de ações, sobre quanto tempo você deve levar para reavaliar as ações que vocês selecionou. Confira isso tudo e muito mais no vídeo abaixo:

Invista nos Estados Unidos

Se você gostou da lista e quiser comprar empresas de crescimento de dividendos, saiba que é possível investir nos Estados Unidos de forma simples e barata. Não precisa ter tanto dinheiro e pode-se operar daqui do Brasil.

Abra sua conta numa corretora americana, diversifique seus investimentos em dólar e comece agora mesmo a montar sua carteira de ações nos Estados Unidos. Veja aqui como Abrir uma conta na corretora americana.

10 thoughts on “Primeiros passos para montar uma carteira de Dividendos

  • 3 November 2016 at 19:46
    Permalink

    Boas,

    Gostei da parte quando os fiis iam ser tributados, foi ali que comecei a comprar Fii :D

    Não tenho grana para esse mercado dos EUA. Meu perfil psicológico de investimento é confuso. Vou ficar nos fiis até meio do ano que vem.

    Abraço :D

    Reply
    • 3 November 2016 at 20:00
      Permalink

      Boas, Sou eu de novo kkkkk

      Onde vejo a lista de todos os REITs americanos? Com os rendimentos mensais?

      Obrigado pela ajuda Viver, é só uma curiosidade :D

      Reply
      • 3 November 2016 at 23:35
        Permalink

        rapaz vc pega isso no próprio Morningstar bate um nome dessa lista de REIT que tenho e vai olhando numa opção que tem la de concorrentes aí vc vai abrindo um a um

        Reply
    • 3 November 2016 at 23:34
      Permalink

      “Meu perfil psicológico de investimento é confuso.” – agora entendo o nome do seu blog kkkkk

      cara os FIIs sao um ótimo investimento, mas no dia q vc entrar no mundo dos REITs aí mano vc vai ficar maluco literalmente

      Reply
  • 30 October 2016 at 10:33
    Permalink

    VD..voce acha que um aporte acima de 2mil é ate “mais ou menos” para investir em FII e ações no Brasil?

    Reply
    • 30 October 2016 at 13:33
      Permalink

      Olá Victor

      de modo geral, o valor em si que você vai aportar não faz diferença, o importante é o quanto você vai aportar da sua receita total, isso sim é fundamental

      digamos que você tem uma receita mensal de 1k se vc colocar 500 reais está fazendo um belo aporte
      se tem uma receita de 6k e está aportando 2k está bom também mas não tanto quanto o cara ai de cima
      agora se tem uma receita de 20k e está aportando 2k você está muito ruim

      pessoal acha que precisa ser rico pra investir na bolsa, ou que tenho um aporte pequeno e não vou conseguir alcançar a independência financeira aí por isso nunca investe

      o importante nao é o valor em si mas a sua taxa de poupança, se suas despesas estão na faixa do assalariado de 1k e vc coloca lá metade desse valor pode ter certeza que está muito na frente de um cara que ganha 50k mas coloca 2k nas ações

      claro que aqui agente vai dizer uma exceção pro investidor que quer colocar seu aporte no exterior, por conta do custo um pouco elevado comparado com o Brasil, isso por conta dos custos de remessa do dinheiro, então nesse caso eu travo 2k por conta desses custos pra num acabar sendo prejudicial, mas se estamos falando a nível brasil que o custo de aplicar o dinheiro é praticamente zero, então todo mundo se iguala aí passa a valer a taxa de poupança

      Reply
  • 29 October 2016 at 18:10
    Permalink

    Parabéns pelo post!! tenho esse msm objetivo a longo prazo: ações e FIIs no Brasil e Eua. Para iniciar os investimentos nos Eua, qual o aporte mínimo que sugere? Acima de 500, 1000… por mês?

    Reply
    • 29 October 2016 at 18:40
      Permalink

      Obrigado Bruno

      lembrando que temos um post explicando como abrir conta numa corretora americana, veja aqui.

      sobre o aporte acho que valores acima de 2.500 reais já começa a ficar interessante o custo de remessa, abaixo disso acho que não compensa muito enviar porque fica caro. Mas vc não precisa necessariamente de mandar todo esse recurso por mês, no começo eu juntava e mandava a grana 2 ou 3 vezes no ano, pode-se tomar uma estratégia assim também, mas hoje as coisas são bem mais facilitadas.

      Reply
  • 29 October 2016 at 12:14
    Permalink

    Ola VD,

    Bem interessante a sua estrategia, e como você olha a questão de deixar o patrimônio exposto somente em dolar e real, você não acha meio arriscado?

    ate porque se o dólar estiver baixo será que as empresas vão repatriar o dólar? e distribuir como lucro? até porque como você mesmo disse nao compensa para a empresa.

    Sobre os reits seria legal algumas da Alemanha, Canada e outros lugares com moeda forte?

    Bons investimentos, abrass

    Reply
    • 29 October 2016 at 13:48
      Permalink

      Então Anderson eu só invisto em empresas de crescimento de dividendos então elas sempre vão me pagar mais ano após ano. Como ela vai fazer isso não me importa pago o CEO pra isso kkkk

      De uma olhada nesse artigo e veja o poder que tem essas empresas

      http://viverdedividendos.org/empresas-de-crescimento-de-dividendos/

      São empresas que mesmo em crise ou não elas conseguem gerar caixas de forma colossal. Segurança, segurança e segurança essa é a palavra no longo prazo

      Reply

Deixe o seu comentário: